Fotógrafo nova-iorquino expõe a 'beleza' do mundo dos 'prostitutos'

Por BBC Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Philip-Lorca diCorcia expõe fotos de homens que vendem o corpo por dinheiro. Maioria deles foi clicado em Los Angeles

BBC

O fotógrafo de arte Philip-Lorca diCorcia, conhecido por imagens estilizadas em que nunca se está certo do que é ficção e do que é realidade, abriu sua primeira retrospectiva na Grã-Bretanha. A exposição reúne 120 fotos dos 40 anos de sua carreira.

Reprodução/BBC
Acima, a foto 'Roy, em seus vinte anos', tirada em Los Angeles, EUA por DiCordia. Imagem faz parte da mostra do artista na Grã-Bretanha


DiCorcia, que vive em Nova York, ficou famoso com a série de fotos Hustlers, na qual ele fotografou prostitutos de Los Angeles, pagando a eles pelas poses o preço que estes cobrariam por programas. Esta série rendeu a DiCorcia sua primeira grande exposição no Museu de Arte Moderna de Nova York em 1993.

"Fui até esta rua onde eles, basicamente, se vendem. Eu estacionava e perguntava se podia fazer a foto deles pelo mesmo valor do mais baixo denominador comum de sexo e a maioria deles disse sim. Acho que nenhum deles acreditou no que eu falava", disse o fotógrafo.

Outra série de fotos de dançarinas, feita em 2004, foi inspirada nos ataques de 11 de setembro de 2001 contra Nova York.

Leia tudo sobre: mostra de fotosdicorciaeuagra bretanha

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas