Casal 'tropeça' em pote com moedas de ouro que valem milhões nos EUA; assista

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

'Tesouro' foi encontrado enquanto mulher passeava com cão. Moedas podem valer US$ 10 milhões (ao menos R$ 25 milhões)

Um casal da Califórnia, Estados Unidos, passeava com seu cachorro quando tropeçou em uma mina de ouro dos tempos modernos: US$ 10 milhões, cerca de R$ 25 milhões, em moedas de ouro raras enterradas à sombra de uma velha árvore.

Fortuna: Professora substituta é herdeira de US$ 7,4 milhões em moedas de ouro

Confira galeria com fotos das moedas históricas

Casal da Califórnia encontrou 1.427 moedas dos tempos da corrida do ouro nos EUA em um pote no jardim de sua casa. Foto: APAs moedas de ouro estavam próximas de uma árvore, no jardim da casa de um casal californiano, nos EUA. Foto: APDavid Hall, co-fundador do Serviço de Classificação Profissional de Moedas de Santa Ana, nos EUA, exibe o material encontrado por casal dos EUA. Foto: APAs moedas de ouro podem valer até US$ 10 milhões (ao menos R$ 25 milhões), de acordo com especialistas. Foto: APAs 1.427 moedas foram encontradas enquanto mulher levava seu cachorro para passear, na Califórnia, EUA. Foto: APAs moedas de ouro foram contabilizadas e devem valer mais de US$ 10 milhões. Foto: APMoedas são uma relíquia da história da corrida de ouro nos EUA. Foto: APCasal não foi identificado, mas encontrou o 'tesouro' no jardim de sua casa, na Califórnia, EUA. Foto: APAlgumas moedas datam de 1800, como esta. Casal encontrou pote cheio de moedas de ouro nos EUA. Foto: AP

2012: Tesouro do tempo das Cruzadas é descoberto em Israel

Quase todas as 1.427 moedas encontradas são datadas de 1847-1894, de acordo com David Hall, cofundador do Serviço de Classificação Profissional de Moedas de Santa Ana, que autentificou o material. O valor nominal das peças fica acima de US$ 27 mil, pelo menos R$ 63,2 mil, mas algumas são tão raras que especialistas em moedas dizem que poderiam conseguir até US$ 1 milhão (cerca de R$ 2,3 milhões) por cada.

Assista ao vídeo:

“Não gosto de dizer 'uma vez na vida' para nada, mas você jamais terá a oportunidade de segurar esse tipo de material, um tesouro como esse. Jamais”, disse Don Kagin, numismata –  especialista no estudo de moedas – que está representando o casal. “É como se eles tivessem encontrado o pote de ouro no final do arco-íris.”

Kagin diz pouco sobre o casal. Mas, de acordo com ele, as moedas foram encontradas ao longo de um caminho que o casal já fazia por anos. No dia em que encontrou as moedas, a mulher havia se inclinado para examinar uma velha lata enferrujada, revelada por erosão sob uma árvore.

As moedas, em denominações de $ 5, $ 10 e $ 20, foram armazenados mais ou menos em ordem cronológica, com peças de 1840 e 1850 em uma vasilha, e assim por diante. A maioria das moedas foi cunhada – processo que marca as moedas - em São Francisco, mas uma parte do ouro veio de longe, como da Geórgia.

*Com AP

Leia tudo sobre: moedas de ourocaliforniacasaltesouroouro antigoeua

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas