Bombas matam pelo menos 19 pessoas na capital do Iraque

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Bombas e carros-bomba foram acionado em uma região comercial de Bagdá. Nenhum grupo assumiu imediatamente a responsabilidade pelos ataques

Reuters

Carros-bomba e bombas à beira de estrada explodiram na região comercial de Bagdá neste domingo (05), matando pelo menos 19 pessoas, disseram fontes da polícia e médicos. O ataque mais letal ocorreu no bairro de maioria xiita Shaab, ao norte de Bagdá, onde dois carros-bomba explodiram matando pelo menos nove pessoas e ferindo 25.

Conheça a home do Último Segundo

AP
Forças de segurança iraquianas reúnem-se no local de um dos ataques a bomba no centro de Bagdá, no Iraque

Mais: No Natal, cristãos são alvo de ataques à bomba no Iraque

Afeganistão e Iraque: Jornalistas desenvolvem táticas para escapar da morte

Nenhum grupo assumiu imediatamente a responsabilidade por ataques de domingo, mas os insurgentes sunitas têm intensificado os ataques contra as forças de segurança iraquianas e partidários do governo xiita do primeiro-ministro Nuri al-Maliki.

Militantes islâmicos ligados à Al Qaeda e combatentes tribais tomaram o controle de Ramadi e Falluja, as principais cidades da província predominantemente muçulmana sunita de Anbar, em um sério desafio para a autoridade do governo. As tropas iraquianas e tribos aliadas estão tentando retomar a província.

Em um incidente separado, homens armados formaram um ponto de fiscalização falso na estrada principal entre Bagdá e Kirkuk, matando seis motoristas na noite de sábado, perto de Udhaim, a 90 quilômetros ao norte de Bagdá, segundo a polícia.


Leia tudo sobre: iraquebombaexplosõesbagdá

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas