Harvard esvazia prédios após alerta de supostos explosivos

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Dois dos prédios são reabertos após inspeção. No Twitter, universidade afirma que não há informações de explosões

A Universidade Harvard esvaziou quatro prédios de seu campus na região de Boston, no Estado de Massachusetts, por "relatos não confirmados" de explosivos. Após algumas horas de inspeção, um prédio com salas de aula e um dormitório foram reabertos, enquanto outros dois continuaram fechados.

Conheça a home do Último Segundo

Getty Images
Pessoas passam na frente da Faculdade de Direito da Universidade Harvard (10/5/2010)

No Twitter, a instituição afirmou que não houve informações de quaisquer explosões e que não há qualquer indicação de que alguma bomba tenha sido colocada no campus.

Três dos prédios ficam em Cambridge. A universidade postou alertas em sua página de emergência e em sua conta no Twitter. Os funcionários dizem que tanto a escola quanto a polícia investigam o caso.

Há informações de que os exames finais, que estavam em andamento na universidade de elite, foram cancelados nos prédios afetados.

A universidade disse em sua declaração: "O Departamento de Polícia da Universidade Harvard Harvard recebeu nesta mão um relato não confirmado de que explosivos podem ter sido colocados em quatro prédios do campus: o Centro de Ciências, Thayer, Sever e Emerson Halls."

*Com AP e BBC

Leia tudo sobre: harvardexplosivos

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas