Tempestade mortal e aumento da maré afetam norte da Europa

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Ventos com força de furacão deixam ao menos sete mortos, deixando milhares de casa sem luz no continente

Ventos com força de furacão e aumentos nos níveis da maré deixaram ao menos sete mortos no norte da Europa, inundando partes de Hamburgo e deixando milhares de casas sem eletricidade.

AP
Ondas castigam a costa do Mar do Norte em Dagebuell, norte da Alemanha (5/12)

A tempestade, chamada de Xaver, lançou uma árvore em um carro em Poraj, norte da Polônia, matando as três pessoas que estavam dentro. A tormenta também causou uma morte no Reino Unido, outra na Suécia e uma na Dinamarca.

Dezenas dde voos foram cancelados, prejudicando viajantes no Berlin Tegel, Copenhagen e em aeroportos menores. Muitos serviços ferroviários e de balsa também foram interrompidos na Alemanha e na Escandinávia.

No leste da Inglaterra, cerca de 10 mil casas foram esvaziadas em Norfolk e Suffolk. Várias casas desabaram no mar em Hemsby, quando a tempestade castigou o topo da colina.

A Barragem do Tâmisa foi fechada por um segundo dia para proteger Londres do aumento no nível das águas.

Muitas escolas foram fechadas em todo o norte da Polônia e da Alemanha. Ventos atingiram uma velocidade de quase 150 km/h no norte da Alemanha. Na Polônia, ao menos 400 mil casas estão sem luz por causa de rupturas na rede elétrica.

AP
Pedestres atravessam pesada queda de neve perto da estação central de Berlim, Alemanha

Milhares de casas também ficaram sem energia na Suécia e na Noruega nesta sexta-feira, informou a Associated Press. O Porto de Hamburgo, que recebe uma grande quantidade do comércio europeu, foi fechado durante a madrugada, mas foi reaberto posteriormente.

Hamburgo vem tendo seus maiores aumentos de maré desde os anos de 1960. O mercado de peixes da cidade e algumas ruas ao longo do rio Elba ficaram inundadas. O rio no local aumentou 6 metros em seu nível médio, e autoridades alertam que há expectativa de uma nova elevação na noite desta sexta.

A costa leste da Inglaterra sente sua pior época de aumento de marés em 60 anos, enquanto no norte de Gales residentes tiveram de ser resgatados por equipes em botes salva-vidas.

*Com BBC

Leia tudo sobre: europatempestade xaver

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas