Naufrágio deixa dezenas de imigrantes haitianos mortos nas Bahamas

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Centenas estavam a bordo quando navio bateu em recife. Guarda Costeira diz que embarcação estava superlotada

Um navio com dezenas de imigrantes haitianos teria batido contra um recife e naufragado nas Bahamas, na região de Staniel Clay, na segunda-feira à noite, segundo a Guarda Costeira dos Estados Unidos. Informações preliminares dizem que ao menos dez imigrantes morreram. O local do acidente fica a 125 km de Nassau. Acredita-se que a embarcação tinha os Estados Unidos como destino.

Conheça a nova home do Último Segundo

Na Itália: Naufrágio de barco com imigrantes deixa mais de 100 mortos

O caso será investigado, mas segundo as autoridades a causa do acidente é superlotação. Uma foto em baixa resolução tirada pela própria Guarda Costeira americana, durante os trabalhos de resgate, mostraria cerca de cem pessoas a bordo. Todos agarravam-se ao mastro e pedaços do barco. Ao menos 110 teriam sido resgatados pelas autoridades.

Até o momento, três corpos foram encontrados. As buscas continuam no local. Todos as vítimas encontradas com vida apresentavam sinomas de desidratação e foram levadas para uma base militar de New Providence. A maioria, provavelmente, deve ser enviada de volta ao Haiti.

O chefe da Guarda Costeira americana, Ryan Doss, classificou o caso como uma "tagédia evitável". "Infelizmente vemos esses tipos de tragédia em base semana. A cada ano, vemos centenas de imigrantes que perdem a vida no mar após participaram nestas viagens perigosas e ilegais", disse.

Imigrantes do Haiti, Cuba e outros países do Caribe frequentemente navegam através das Bahamas na tentativa de chegar aos Estados Unidos, muitas vezes em embarcações superlotadas e incapazes de navegar.

*com Reuters e AP

Leia tudo sobre: naufrágiohaitianosbahamasafogados

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas