Quatro somalis são indiciados por ligação com ataque a shopping no Quênia

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Homens são acusados de dar abrigo a supostos terroristas e por registrarem-se ilegalmente como quenianos

Autoridades do Quênia indiciaram quatro somalis com acusações relacionadas ao ataque terrorista de setembro contra o shopping Westgate que deixou 67 mortos.

Conheça a nova home do Último Segundo

AP
Policial do Quênia monta guarda perto de templo religioso que foi incendiado por manifestantes após orações de sexta-feira no Quênia (4/10)

Um tribunal ordenou que os quatro homens - Mohamed Ahmed Abdi, Liban Abdullah Omar, Hussein Hassan Mustafah e Adan Dheq - ficassem em prisão preventiva até a próxima audiência na semana que vem. Todos alegaram inocência no tribunal.

O grupo: Quem é o Al Shabab, grupo que reivindicou ataque no Quênia

Quênia: Presidente anuncia fim do ataque terrorista a shopping

NYT: Carnificina no Quênia reflete resistência do grupo Al-Shabab

Entre as acusações estavam abrigar um fugitivo e registrar-se ilegalmente como um queniano. As acusações foram lidas aos réus somalis por intermédio de um tradutor.

As autoridades prenderam dezenas de pessoas logo após o cerco de quatro dias ao shopping, mas não afirmaram se os suspeitos estavam diretamente relacionados ao ataque. Não ficou claro quantas prisões foram realizadas desde então.

O grupo extremista somali Al-Shabab reivindicou responsabilidade pelo ataque e disse que foi uma retaliação ao envolvimento do Quênia no conflito contra grupos rebeldes no sul da Somália.

Abdi, Omar e Mustafah foram indiciados por apoiar Mohammed Abdinur Said e Hassan Dhohullow e outros identificados como autores do ataque terrorista. Sheq foi acusado de abrigar supostos terroristas.

Autoridades afirmaram que uma mesquita no bairro somali em Nairóbi de Eastleigh abrigou com conhecimento Abdikadir Hared Mohammed, um suspeito de terrorismo.

Os quatro devem comparecer em audiência em 11 de novembro.

Com AP

Leia tudo sobre: quêniawestgatenairóbiataqueshopping

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas