Maria está sob os cuidados de uma instituição de caridade; casal alega que ela foi abandonada por mãe biológica

Um casal de ciganos foi convocado a comparecer em um tribunal na Grécia, para esclarecer acusações de que raptaram uma menina loira de quatro anos chamada Maria. A criança foi encontrada durante uma busca em um acampamento cigano no centro da Grécia na semana passada.

Conheça a nova home do Último Segundo

A polícia grega está tentando descobrir a identidade de Maria, uma menina loira encontrada em um acampamento cigano com uma família com a qual não tinha ligações
AP
A polícia grega está tentando descobrir a identidade de Maria, uma menina loira encontrada em um acampamento cigano com uma família com a qual não tinha ligações

Testes de DNA mostraram que a menina não possui parentesco com o casal, que alega que a menina foi abandonada pela mãe biológica e chegou a eles por intermédio de uma terceira pessoa.

Maria foi levada a uma instituição de caridade em Atenas, chamada O Sorriso da Criança, que já recebeu mais de 8 mil ligações com pedidos de informação sobre a identidade da garota. O casal, uma mulher de 40 anos e um homem de 39, deve comparecer ao tribunal na noite desta segunda-feira (21) para responder acusações de sequestro de menor e porte de documentos falsos.

Na Grécia: Comunidade cigana nega rapto de menina loira

A comunidade roma - comunidade cigana originária do leste europeu - defendeu o casal, dizendo que a menina foi abandonada e era tratada com muito amor. Segundo a rede britânica BBC, o advogado que representa o casal, Kostas Katsavos, disse que eles estavam realizando uma busca pela mãe da garota.

Ele afirmou que o casal reivindicou que a mãe biológica entregou Maria a eles, porque ela não poderia cuidar dela. "Nossos clientes afirmam que 'nunca sequestramos essa criança e apenas a adotamos' de uma forma ilegal, que podemos confessar", disse Katsavos.

Autoridades locais acreditam que ela tenha sido vítima de sequestro ou de tráfico de crianças.

Com BBC

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.