Sobe para 115 número de mortos em tumulto perto de templo na Índia

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Maior parte das vítimas foram mulheres e crianças; muitos foram pisoteados e alguns se afogaram ao pular no rio

O número de mortos em um tumulto perto de um templo da Índia no domingo (13) subiu para 115, informaram autoridades nesta segunda-feira (14). A maior parte das vítimas eram mulheres e crianças, que foram pisoteadas até a morte em ponte que leva a centro religioso no Estado de Madhya Pradesh.

Conheça a nova home do Último Segundo

AP
Indiana ferida em tumulto no domingo em ponte sobre o rio Sindh se recupera em hospital em Madhya Pradesh

Uma Devi estava no meio da ponte quando as pessoas começaram a gritar que ela estava desabando. "Eu segurei meu filho e corri", disse a mulher a uma TV indiana após a tragédia de domingo. "As pessoas estavam empurrando e gritando e tentando correr da ponte. Eu não sei como escapei."

Domingo: Tumulto em templo da Índia deixa ao menos 89 mortos

Os 115 mortos estavam entre milhares de peregrinos hindus que foram ao templo na cidade de Ratangarh no último dia de um popular festival. Muitos corpos foram encotnrados no rio sob a ponte, mas autoridades afirmaram que muitos outros devem ter sido levados pela correnteza.

Não ficou imediatamente claro quantas pessoas estavam na ponte quando ocorreu o tumulto, mas a mídia local afirmou que 500 mil pessoas visitaram o tempo em honra à mãe hindu a deusa Durga.

Tumultos que resultam em mortes são relativamente comuns em templos da Índia, onde grandes multidões se reúnem em pequenas áreas sem segurança ou controle de capacidade. Em 2011, mais de 100 foram mortas em uma mesquita no Estado de Kerala.

O primeiro-ministro Manmohan Singh expressou "profundo pesar e choque pelas perdas" e pediu às autoridades locais que ajudassem os feridos e os familiares dos mortos. "Nesse dia de festividades, nossos corações e orações estão com as vítimas e suas famílias", disse, em comunicado.

Com AP

Leia tudo sobre: tumultoíndiatemplohindumortesreligião

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas