Enviado da ONU à Síria reitera que reunião em Genebra não está garantida

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Enviado da ONU à Síria reitera que reunião em Genebra não está garantida

Reuters

O enviado da Organização das Nações Unidas (ONU) para paz na Síria, Lakhdar Brahimi, reiterou neste domingo que não há certeza de que a reunião para tentar solucionar o conflito no país ocorrerá em meados de novembro, em Genebra, como estava previsto.

Leia também: Negociações de paz na Síria dependem de acordo sobre armas

Ao ser questionado se a conferência para discutir a paz na Síria estava certa, Brahimi disse em entrevista à rede TV5 e à RFI: "Não, não há uma certeza. Eu estou tentando convidar... Eu estou incentivando todo mundo a vir a Genebra em meados de novembro."

Primeiros passos: ONU recebe pedido da Síria para aderir à convenção

Brahimi já havia dito no domingo passado que a reunião não era "100% certa".

No mês passado, o secretário de Estado dos EUA, John Kerry, e o chanceler da Rússia, Sergei Lavrov, afirmaram que as perspectivas para dar início ao processo de paz na Síria evoluem a partir do diálogo sobre a entrega do estoque de armas químicas ao controle internacional.

"Em nome dos EUA eu direi que o presidente Obama está profundamente comprometido para uma solução negociada em relação à Síria, e sabemos que a Rússia também está. Estamos trabalhando duro para encontrar um terreno comum capaz de fazer com que isso aconteça. Discutimos um pouco sobre a lição de casa que nós dois precisamos fazer", afirmou Kerry na ocasião.

O presidente da Síria, Bashar al-Assad, prometeu fornecer detalhes sobre o arsenal químico de seu país 30 dias depois de assinar uma convenção internacional que proíbe a proliferação desse tipo de armamento. O embaixador sírio para a ONU disse que seu país se tornou um membro pleno do tratado, que exige a destruição de todas as armas químicas. O chanceler russo afirmou ontem que um acordo tornaria um ataque americano desnecessário.

Leia tudo sobre: MUNDOSIRIAONUGENEBRAPODEFALHAR

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas