Chanceler do Irã diz que enriquecimento nuclear não é negociável

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Presidente iraniano e Obama têm conversado para amenizar as punições por armazenamento de urânio

Reuters

AP Photo/John Minchillo
Mohammad Javad Zarif disse que o Irã deseja abrir suas instalações nucleares

O ministro das Relações Exteriores do Irã disse neste domingo (29) que o direito de enriquecimento nuclear pacífico não é negociável nas conversas com os Estados Unidos, mas também afirmou que não há necessidade de enriquecer urânio a níveis para uso militar.

Iranianos celebram conversa histórica de Rouhani com Obama
Israel diz ter capturado espião iraniano com fotos da embaixada dos EUA

O chanceler Mohammad Javad Zarif disse que o Irã deseja abrir suas instalações nucleares para inspeções internacionais, mas acrescentou que os Estados Unidos precisam suspender as sanções econômicas como parte de qualquer acordo que envolva o programa nuclear iraniano.

Em meio a uma intensificação dos esforços para resolver a disputa em torno do programa nuclear, Zarif disse enxergar uma "chance real" de acordo com os norte-americanos. "As negociações estão postas na mesa para discutir vários aspectos do programa de enriquecimento do Irã. Nosso direito de enriquecer não é negociáveis", disse Zarif ao programa "This Week", da ABC.

O Irã tem defendido seu direito de enriquecer urânio como parte de um programa civil de energia e medicina, mas os EUA e seus aliados têm procurado por um fim no enriquecimento de urânio em alto grau que poderia ser uma etapa para a produção de armas.

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas