Forte terremoto atinge o Paquistão e deixa ao menos 39 mortos

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Abalo teve magnitude 7,7, segundo agência americana. Casas ficaram destruídas na zona oeste do país

Um forte terremoto de magnitude 7,7 atingiu a província de Baluquistão, região oeste do Paquistão, e deixou ao menos 39 mortos. Segundo autoridades, o fenômeno destruiu uma série de casas em uma área montanhosa. 

Infográfico: Entenda como acontecem os terremotos e tsunamis

AP
Paquistaneses correm de seus escritórios e apartamentos após forte terremoto no Baluquistão, oeste do país

Segundo a medição geológica dos EUA, realizada pelo USGS, o abalo foi sentido às 16h29 (8h29 de Brasília) a uma profundidade de 15 km e a 66 km da cidade de Awaran. Especialistas na região comentaram que os tremores duraram aproximadamente dois minutos. 

O vice-presidente da Assembleia Legislativa de Baluquistão, Abdul Qadoos, confirmou o número de mortos e citou que 30% das casas do distrito de Awaran foram destruídas. Mais de 200 tropas foram enviadas ao local para os trabalhos de emergência. 

Autoridades paquistanesas investigam agora se o forte terremoto também criou uma nova ilha na costa ao sul do país. O diretor geral do Departamento Meteorológico do Paquistão, Arif Mahmood, disse que testemunhas registraram o surgimento de uma pequena ilha próximo ao porto de Gwadar.

Ele afirma que o tremor pode ter provocado a elevação do solo no fundo do mar, mas autoridades precisam investigar com mais profundidade.

O chefe da polícia de Gwadar, Pervez Umrani, disse que a nova massa de terra é visível da praia.

Com Reuters, AP e CNN

Leia tudo sobre: terremotopaquistãomortosterremoto no paquistão

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas