Saiba os principais acidentes de trem na Europa nos últimos 25 anos

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Trem descarrila perto de Santiago de Compostela, na Espanha, deixando dezenas de mortos e feridos na quarta

Um trem da companhia ferroviária Renfe descarrilou na quarta-feira (24) perto da estação de Santiago de Compostela, no noroeste da Espanha, deixando dezenas de mortos e feridos. O acidente é o pior a acontecer na Espanha em 40 anos. O último mais grave aconteceu em Chinchilla (Albacete), em 2003, com uma colisão frontal que deixou 19 mortos.

Saiba mais: Leia todas as notícias sobre o acidente de trem na Espanha

Assista: Vídeo mostra momento em que trem descarrila na Espanha

AP
Equipes de emergência atendem vítimas de descarrilamento de trem em Santiago de Compostela, na Espanha (24/7)

Testemunho: Sobreviventes relatam ter ficado 'rodeados de mortos'

Polícia: Condutor de trem é investigado após acidente que matou dezenas

Esse é o segundo grande acidente de trem a acontecer na Europa somente neste mês. Em 12 de julho, seis morreram e 200 ficaram feridos quando quatro vagões de um trem de passageiros descarrilaram ao sul de Paris, na França.

Veja abaixo a lista de alguns dos acidentes de trem mais mortais na Europa nos últimos 25 anos:

Dezembro de 1988, no Reino Unido: Acidente envolvendo três trens em Clapham Junction, em Londres deixou um total de 35 mortos. Medidas precárias de segurança foram as causas do acidente.

Outubro de 1999, no Reino Unido: Dois trens colidiram perto da estação de Paddington, em Londres, deixando 31 mortos. Um dos trens havia passado por um sinal vermelho.

Novembro de 2000, na Áustria: Incêndio em um túnel atingiu um trem funicular que transportava esquiadores, deixando 155 mortos.

Maio de 2003, na Hungria: Trem Budapeste-Nagykanizsa atingiu um ônibus cheio de turistas alemães, a maioria idosos, em uma passagem de nível perto de Siofok deixando 34 mortos.

Junho de 2003, na Espanha: Trem de passageiros que viajava de Madri para Cartagena colidiu com um comboio que trazia mercadorias em Chinchilla, matando 19.

Janeiro de 2005, na Itália: Trem de passageiros e trem de carga colidiram ao norte de Bolonha deixando 17 mortos

Janeiro de 2006, em Montenegro: Até 46 passageiros são mortos e 198 ficaram feridos quando um trem lotado descarrilou e mergulhou em um barranco nos arredores da capital Podgorica.

Julho de 2006, na Espanha: Um total de 41 passageiros morreu quando um trem do metrô descarrilou e vira em um túnel antes de entrar na estação de metrô Jesus, em Valência.

Setembro de 2006, na Alemanha: Trem de levitação magnética Transrapid, que flutua sobre um colchão magnético, atingiu um veículo de manutenção em uma pista de testes na área de Emsland, deixando 23 mortos.

Policiais fazem guarda enquanto condutor Francisco José Garzón Amo deixa o tribunal após sua libertação em Santiago de Compostela (28/7). Foto: APParte externa do trem é vista no local do acidente em Santiago de Compostela, noroeste da Espanha (26/7). Foto: ReutersParentes de vítimas de acidente de trem em Santiago de Compostela, na Espanha, reagem ao receber notícias (25/7). Foto: APBombeiros e equipes de resgate inspecionam vagão no local de acidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha. Foto: APVagões descarrilados são removidos com guindastes dos trilhos em Santiago de Compostela, Espanha (25/7). Foto: APMulher reage em posto de informações para familiares montado após acidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha. Foto: APPrimeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, visita local de acidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha (25/7). Foto: APCondutor do trem Francisco José Garzón Amo recebe ajuda de dois homens ao ser retirado do local do acidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: APEquipes respondem à situação de emergência após descarrilamento de trem em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: APFerida é retira de vagão após acidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: APEquipes de emergência atendem vítimas de descarrilamento de trem em Santiago de Compostela, na Espanha (24/7). Foto: APDescarrilamento de trem em Santiago de Compostela é o pior acidente do tipo em 40 anos (24/7). Foto: APEquipes respondem à situação de emergência após descarrilamento de trem em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: APEquipes de emergência comparecem a local onde trem descarrilou em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: APEquipes de emergência atendem vítimas de descarrilamento de trem em Santiago de Compostela, na Espanha (24/7). Foto: APAcidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha, deixou mortos e dezenas de feridos (24/7). Foto: Alén Pérez/ TwitterEquipes de resgate trabalham para retirar vítimas de um trem após descarrilamento em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: ReutersTrem descarrila em Santiago de Compostela, na Espanha (24/7). Foto: Alén Pérez/ TwitterO trem, que levava ao menos 240 passageiros, descarrilou na curva mais fechada do trajeto (24/7). Foto: Alén Pérez/TwitterImagem reproduzida de vídeo mostra vagões destruídos após acidente de trem em Santiago de Compostela, Espanha (24/7). Foto: Reprodução

Junho de 2009, na Itália: Explosão em um trem de carga incendiou casas vizinhas e queimou famílias, enquanto dormiam na cidade litorânea de Viareggio, deixando 22 mortos.

Fevereiro de 2010, na Bélgica: Dois trens colidiram de frente sob neve na vila de Buizingen, perto de Halle, a sudoeste de Bruxelas, deixando 18 mortos.

Março de 2012, na Polônia: Dois trens de passageiros descarrilaram em uma colisão frontal perto de Szczekociny. Dezesseis morreram e 58 ficaram feridos.

Julho de 2013, na França: O descarrilamento de um trem e sua colisão contra a plataforma da estação de Brétigny-sur-Orge, perto de Paris, deixaram pelo menos sete mortos e 22 feridos.

Com Reuters

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas