Dançarina de pole dance, namorada de delator dos EUA diz que está 'à deriva'

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Em blog, Lindsay Mills desabafa que só consegue sentir solidão após seu namorado, Edward Snowden, ter partido para Hong kong após vazar documentos ultrassecretos dos EUA

A namorado de Edward Snowden, responsável pelo vazamento de um programa de interceptação de dados ultrassecreto dos EUA, escreveu que está "à deriva em um mar de caos" depois que "seu homem do mistério" entregou aos jornais Guardian, do Reino Unido, e Washington Post, dos EUA, documentos secretos do governo e mudou-se para Hong Kong. "Não sei o que acontecerá a partir de agora. Não sei como me sentir normal."

Paradeiro incerto: Americano que vazou rede espiã lutará contra extradição

Identificação: Ex-funcionário da CIA diz ter vazado dados sobre vigilância secreta dos EUA

Em um post em seu blog, que tem como subtítulo "Aventuras de uma viajante do mundo, uma super-heroína do pole dance", a artista perfomática Lindsay Mills, de 28 anos, disse que escrevia em um "teclado de computador molhado de lágrimas".

Repercussão: Usuários da internet fazem piada com espionagem online dos EUA

Greenwald: Jornalista que revelou rede espiã secreta dos EUA avisa: 'Há mais informações'

"Para vocês que me conhecem sem minha capa de super-heroína, podem provavelmente entender por que evitarei escrever no blog por algum tempo. Meu mundo se abriu e fechou ao mesmo tempo. Deixando-me perdida no mar sem um bússola", escreveu a estudante da Faculdade de Arte do Instituto de Maryland na segunda-feira, um dia depois de os jornais britânico e americano identificarem a fonte por trás de suas matérias sobre o programa de vigilância dos EUA.

Programa de interceptação de dados:
- EUA mantêm ampla base de dados de ligações telefônicas
- EUA coletam secretamente dados de nove empresas de internet

"Certamente haverá piratas vis, sereias que distraem a atenção e ondas de mudança nesse novo capítulo aberto da minha jornada. Mas no momento tudo o que posso sentir é solidão. E pela primeira vez na minha vida me sinto suficientemente forte para estar sozinha."

No mesmo dia, Mills escreveu no site de compartilhamento de fotos Flickr: "Perdi minha bússola e me encontro à deriva em um mar de caos. Adeus, meus amigos. Verei-os novamente quando as ondas calmamente devolverem meu barco à terra firme."

A autenticidade do blog, em que Lindsay disse que "às vezes a vida não oferece despedidas apropriadas" e que foi retirado do ar na própria segunda-feira, não pôde ser confirmada.

Edward Snowden:
- Ex-técnico da CIA diz que expôs vigilância secreta para 'defender liberdade'
- Ex-técnico da CIA pode enfrentar anos de prisão por vazar dados sobre vigilância
- Americano que vazou rede espiã dos EUA testa liberdades civis em Hong Kong
- Rússia pode considerar asilo a americano que revelou programas de monitoramento

Reprodução/ Facebook
Lindsay Mills, namorada de Edward Snowden, é vista durante apresentação de pole dance

Apelo: Google pede autorização dos EUA para revelar detalhes de ordens secretas

Snowden, 29, desatou um tumulto em Washington quando vazou documentos confidenciais que revelaram o escopo das ações da Agência Nacional de Segurança (NSA, na sigla em inglês) para interceptar dados telefônicos de americanos e de uso da internet por estrangeiros. Não há provas de que Mills soubesse das ações de Snowden, que trabalhou como técnico da CIA (agência de inteligência dos EUA) e foi funcionário de uma empresa de defesa que presta serviços à NSA.

O pai de Lindsay falou com repórteres na terça-feira do lado de fora de sua casa em Laurel, Maryland. Ele descreveu Snowden como "gentil, tímido, reservado". Segundo ele, sua filha e Snowden namoravam havia quatro ou cinco anos.

Obama: Monitoramento de telefone e web equilibra 'segurança e privacidade'

Análise: Antes ambivalente, Obama manteve abordagem de Bush para defesa dos EUA

"Ele sempre teve fortes convicções sobre o certo e o errado, então até que isso faz sentido, mas ainda estou chocado", disse Jonathan Mills. Ele desejou a Snowden boa sorte: "Ele tem meu amor."

Snowden disse ao jornal britânico Guardian que deixou seu emprego em uma prestadora de serviços da NSA no Havaí há três semanas, sendo deliberadamente vago com sua namorada sobre o motivo de seu desaparecimento e sem avisar sua família. "Minha família não sabe o que está acontecendo", disse. "Meu medo primário é que eles comecem a perseguir minha família, meus amigos, minha parceira. Qualquer um com quem eu tenha um relacionamento. Terei de viver com isso pelo resto da minha vida."

*Com informações da rede de TV CNN, da Associated Press e do jornal Guardian

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas