Manifestante libanês é morto em frente da Embaixada do Irã em Beirute

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Homem de 28 anos participava de um pequeno protesto contra a participação do grupo xiita libanês Hezbollah na guerra síria

Um manifestante desarmado libanês foi morto neste domingo (9) a tiros na frente da Embaixada do Irã em Beirute, informaram autoridades de segurança libanesas.

AP
Protesto em Beirute era contra a participação do Hezbollah na guerra síria

Cenário: Hezbollah assume riscos ao combater rebeldes sírios em defesa de Assad

O homem foi identificado como um integrante de 28 anos do pequeno partido Opção Libanesa, que realizou um protesto contrário ao grupo xiita libanês Hezbollah, neste domingo. Não ficou claro quem matou o manifestante, que protestava junto a uma pequena multidão contra o apoio do Irã e seu aliado Hezbollah ao presidente sírio, Bashar al-Assad.

Nahum Sirotsky: Conflito sírio aumenta tensão de Israel com o libanês Hezbollah

Atiradores libaneses que apoiam o presidente sírio estavam nas proximidades no momento do assassinato, disseram as fontes.

AP
Manifestação era feita por pequeno partido

A participação do Hezbollah em combates na Síria tem criado tensões cada vez maiores no Líbano. Os confrontos no norte do Líbano intensificaram-se desde que o Hezbollah disse no mês passado que ficaria ao lado de Assad até que os rebeldes fossem derrotados.

*Com Reuters e AP

Leia tudo sobre: beirutelíbanohezbollahsíria

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas