Polícia de Oregon prende adolescente com bomba

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo denúncia garoto de 17 anos planejava explodir artefato em escola

Reuters

A polícia do estado norte-americano de Oregon disse que planeja realizar uma extensa inspeção na escola onde estuda um adolescente que foi preso após denúncia de que ele havia produzido uma bomba e planejava explodir no colégio.

A polícia de Albany, no Oregon, disse em um comunicado que Grant Acord, de 17 anos, estudante da West Albany High School, foi detido na noite de quinta-feira em sua casa após uma denúncia de que ele tinha uma bomba e planejava detoná-la na escola.

A polícia realizou uma busca inicial na escola na quinta-feira à noite e continuou com uma inspeção mais aprofundada usando uma unidade canina de detecção de bombas, antes da volta dos alunos às aulas na terça-feira. Durante uma busca na casa de Acord, a polícia disse ter encontrado um "dispositivo destrutivo" e evidências de que tinha sido fabricado lá.

De acordo com relatos da mídia local, a polícia descobriu itens incluindo coquetéis molotov, napalm e explosivos.

A imprensa local também citou autoridades dizendo que Acord planejava realizaram ataque inspirado no massacre de 1999 na escola Columbine, onde dois adolescentes mataram um professor e 12 estudantes a tiros antes de cometerem suicídio. Albany fica cerca de 110 km a sudoeste de Portland.


Leia tudo sobre: EUAOREGONESCOLABOMBA

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas