Acidente de balão na Turquia mata três turistas brasileiros

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo Itamaraty, duas das vítimas são mulheres e também há oito brasileiros entre os feridos em colisão de balões na Capadócia

Um balão de ar quente que sobrevoava a Capadócia, um destino turístico na região central da Turquia, caiu depois de colidir com outro balão nesta segunda-feira (20), matando três turistas brasileiros, incluindo duas mulheres, e ferindo outros 22 passageiros, incluindo oito brasileiros.

Leia também: Queda de balão no Egito mata 19 turistas

Reprodução
Balão caiu rapidamente após colidir com outro no céu da Turquia


Acidente: Casamento em balão quase acaba em tragédia nos EUA

Segundo a agência de notícias turca Anatolian, as vítimas brasileiras seriam Ellem Kohelman, 76, Maria Luiza Gomes, 71, e Marina Rosas, 65. Hail Uluer, dono da empresa Balões Anatolian, que fez o passeio turístico, afirmou à agência de notícias estatal Anadolu que aparentemente uma das turistas morreu de ataque cardíaco. Abdurrahman Savas, governador da província de Nevsehir, disse que a segunda vítima morreu no hospital.

O acidente aconteceu perto da cidade de Nevsehir. A Capadócia é famosa por suas formas geológicas chamadas chaminés de fada. Passeios de balão são uma maneira popular de ver as formações cônicas, criadas pela erosão de cinzas vulcânicas em torno delas.

Saiba mais: Balão com turistas cai na Eslovênia e quatro morrem

Os passageiros a bordo do balão que colidiu eram em sua maioria brasileiros, argentinos e espanhóis, de acordo com Savas, o governador. Muitos tiveram fraturas nos ossos e estavam recebendo tratamento em um hospital perto de Neveshir.

O acidente - o segundo fatal em Capadócia desde que as operações começaram há mais de uma década - destaca o problema de segurança dos balões na Turquia e a agência civil de aviação no país já informou que abriu um inquérito sobre o acidente. Em 2009, uma turista britânica morreu e nove ficaram feridos quando balões também colidiram.

Reino Unido: Balão com 3 ocupantes fica preso por 5 horas em torre de alta tensão

Saiba mais: Acidente com balão deixa 11 mortos na Nova Zelândia

Assista ao vídeo da queda do balão:

Um turista canadense que vive nos EUA e que testemunhou o acidente de outro balão, disse que a colisão aconteceu cerca de 45 minutos depois que 100 balões levantaram voo pela manhã. "Conseguíamos escutar a transmissão pelo rádio e sabíamos que alguma coisa tinha acontecido.  Eles falavam de forma agitada: 'Libere seu paraquedas! Libere seu paraquedas!'", disse Ross, cujo balão estava a cerca de 200 metros de distância do outro que colidiu.

"Estava a aproximadamente 300 metros e começou a cair cada vez mais rápido", disse em entrevista por telefone à agência AP. 

Conforme seu balão foi diretamente para o local da colisão, Ross disse ter visto uma pessoa caída no chão, enquanto outros passageiros ainda estavam dentro do cesto. Muitas ambulâncias foram enviadas para o local.

Com Reuters e AP

Leia tudo sobre: turistaturquiacapadóciabalõesbrasileiros no exterior

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas