Irã enforca dois condenados por espionagem, diz rádio estatal

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo Teerã, Mohammad Heidari e Kourosh Ahmadi trabalhavam em troca de dinheiro para o Mossad e para a CIA, respectivamente

A rádio estatal do Irã afirmou que as autoridades do país executaram dois homens condenados por realizar espionagem para o Mossad, serviço de inteligência israelense, e para a CIA, agência americana.

Ahmadinejad: Presidente do Irã muda de tática para garantir sobrevivência após eleições

Leia também: Irã planeja construir mais reatores nucleares em área de terremotos

De acordo com o comunicado emitido no domingo, Mohammad Heidari, acusado de fornecer informação confidencial para o Mossad em troca de dinheiro, e Kourosh Ahmadi, que supostamente fez o mesmo para a CIA no Irã, foram enforcados.

Em 2012: Irã enforca suposto espião de Israel por morte de cientista nuclear

Saiba mais: Irã divulga 'confissões' sobre assassinatos de cientistas nucleares

O comunicado não informou quando os homens foram detidos ou executados. Ocasionalmente, o Irã afirma que desmantelou redes de espionagem do Ocidente no país e anuncia a prisão de indivíduos acusados.

Em Israel: Obama promete determinação contra objetivos nucleares do Irã

Teerã acusa Israel e os EUA de espionar interesses vitais do Irã, particularmente seu programa nuclear, que, segundo o Ocidente, tem como objetivo a produção de armas atômicas. Teerã nega as acusações.

Com AP

Leia tudo sobre: irãmossadciacondenaçãoforca

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas