Cemitérios se recusam a enterrar suspeito de ataques em Boston

Por AP |

compartilhe

Tamanho do texto

Tamerlan Tsarnaev é um dos suspeitos do ataque à maratona, que matou três pessoas e deixou outras 180 feridas. Ele foi morto em um tiroteio com a polícia em Watertown

AP

O dono de uma funerária nos Estados Unidos está tendo dificuldades para encontrar um cemitério que aceite enterrar Tamerlan Tsarnaev, um dos suspeitos do ataque à Maratona de Boston. O jovem, de 26 anos, foi morto em um tiroteio com a polícia em Watertown, Estado de Massachusetts, em 19 de abril.

Proprietário de uma empresa do ramo em Worcester, também em Massachusetts, Peter Stefan aceitou a tarefa de encontrar um local para o funeral. Por isso, teve acesso ao corpo e consequentemente ao atestado de óbito. De acordo com ele, Tsarnaev morreu com tiros no “tronco e extremidades” e trauma contuso na cabeça e torso.

Plano: Suspeitos de ataque em Boston planejavam atacar a Times Square

AP
Tamerlan Tsarnaev (esq.) e Dzhokhar Tsarnaev (dir.) são os suspeitos do ataque à Maratona de Boston

O corpo foi liberado pelo legista na quinta-feira (2). Inicialmente foi levado para a North Attleborough funerária, onde foi recebido por cerca de 20 manifestantes. Só então chegou para a Stefan Graham Putnam e Mahoney funerárias, que está familiarizado com muçulmanos.

Ataque em Boston: Veja cronologia dos principais acontecimentos

Misha: Suspeito de ataque em Boston foi influenciado por radical misterioso

"Meu problema aqui é tentar encontrar um túmulo. Muita gente não quer. Eles não querem se envolver com isso", disse Stefan que também sofreu com protestos em frente à sede de sua casa funerária.

Indiciado

Irmão de Tamerlan, Dzhokhar Tsarnaev é o outro suspeito do ataque. Ele foi preso e indiciado sob as acusações de usar uma arma de destruição em massa resultando em morte e por destruir propriedade com explosivos resultando em morte, anunciou o Departamento de Justiça dos EUA. Se condenado, ele pode ser sentenciado à pena de morte.

Vítimas do ataque em Boston:
Menino de 8 anos morto em ataque em Boston 'era cheio de vida e amava correr'
Polícia identifica mulher de 29 anos como segunda vítima de ataque em Boston
Estudante chinesa é identificada como terceira vítima de ataque em Boston

Dzhokhar, 19 anos, está se recuperando de ferimentos de tiros sofridos durante sua tentativa de fuga. Ele recebeu alta do hospital civil onde estava internado desde sua captura e foi tranferido para um centro de detenção médico federal em Massachusetts.

Segundo o serviço de segurança americano, Dzhokhar deixou o Centro Médico Beth Israel Deaconess durante a madrugada e foi levado para o Centro Médico Federal Devens, a 65 quilômetros a oeste de Boston. Autoridades dizem que ele e seu irmão mais velho, que morreu em fuga, são responsáveis pela explosão dupla que deixou três mortos e quase 180 feridos na Maratona de Boston.

Leia tudo sobre: ataques em bostonataque em bostoneuabostontsarnaevatentado

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas