Mega empresário vence Efrain Alegre e leva o Partido Colorado de volta ao poder

AP

O candidato da oposição ao governo, Horacio Cartes, do Partido Colorado, foi eleito presidente do Paraguai neste domingo (21).

Horacio Cartes foi eleito presidente do Paraguai neste domingo (21)
JORGE ADORNO/REUTERS/Newscom
Horacio Cartes foi eleito presidente do Paraguai neste domingo (21)

Cartes, que é um mega empresário do ramo do tabaco, e leva o conservador Partido Colorado de volta ao poder. O partido estava no poder há 61 anos quando foi derrotado por Fernando Lugo em 2008.

Fernando Lugo: o ex-bispo que deu fim à hegemonia colorada no Paraguai

Horacio Cartes ganhou com grande vantagem sobre o candidato do atual governo, Efrain Alegre, do Partido Liberal Radical Autêntico. Alegre reconheceu sua derrota e parabenizou Cartes.

Julgamento: Senado do Paraguai aprova impeachment relâmpago de presidente Lugo

Defesa: 'Destituição não é golpe a Lugo, mas à história paraguaia', diz líder cassado

Efrain Alegre, candidato do governo, derrotado nas eleições para presidente no Paraguai
AP
Efrain Alegre, candidato do governo, derrotado nas eleições para presidente no Paraguai

Cartes tem 56 anos, e é um representante da elite paraguaia. Se formou nos Estados Unidos, para onde foi enviado pelo pai, mega empresário do ramo da aviação.

Hoje Cartes é dono de bancos, fundos de investimentos, uma fábrica de refrigerantes e de plantações de tabacos e do time de futebol Libertad.

Muitos paraguaios tem a espectativa que, após a leição, o país saia do isolamento comercial, causado pela suspensão do Mercosul após o impeachment de Lugo, em 2012 .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.