Sem querer, maratonista em Boston fotografou suspeito no dia do ataque

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Imagem tirada por David Green mostra suspeito foragido Dzhokhar Tsarnaev com boné branco descendo rua enquanto espectadores correm em pânico após explosões

Pouco depois de concluir a Maratona de Boston essa semana, David Green, 49 anos, caminhava para encontrar seus amigos quando duas bombas explodiram. Segundo o blog The Lede, do New York Times, ele estava na esquina da rua Fairfield com a Boylston. Green tirou uma fotografia com seu iPhone antes de correr para ajudar os feridos. A imagem foi tirada às 14h50, no horário local.

Ataque em Boston: Veja cronologia dos principais acontecimentos

AP
David Green segura seu iPhone com a foto tirada no dia das explosões na Maratona de Boston

Localização: Cáucaso russo é terreno fértil para o terrorismo

Ele publicou a imagem no Facebook com um relato de sua experiência. Na quinta-feira, quando o FBI, a polícia federal americana, divulgou as imagens dos dois suspeitos de terem realizado as explosões, os amigos de Green perceberam que um rapaz de boné branco, que se parecia muito com o "suspeito número 2", aparecia bem à esquerda de sua foto.

Saiba mais: Leia todas as notícias sobre o ataque em Boston

Uma vez publicada em um fórum online de corredores, a imagem se tornou um viral, e provocou debates sobre sua veracidade. Em entrevista concedida ao blog do New York Times, Green confirmou que a foto era verdadeira e que o FBI o havia contatado pedindo uma cópia. "Falei com vários agentes", disse Green.

Vítimas do ataque em Boston:
Menino de 8 anos morto em ataque em Boston 'era cheio de vida e amava correr'
Polícia identifica mulher de 29 anos como segunda vítima de ataque em Boston
Estudante chinesa é identificada como terceira vítima de ataque em Boston

Green não se lembra de ter notado o homem com o boné branco no momento do ataque. Em vez disso, ele ligou ao FBI no início da semana para falar de um outro homem que ficou parado e gritando em vez de correr.

AP
Foto mostra homem que acredita-se ser Dzhokhar Tsarnaev, um dos suspeitos do ataque em Boston (15/4)

As explosões na Maratona de Boston na segunda-feira (15) deixaram três mortos e quase 180 feridos. Nesta sexta, a polícia faz uma megacaçada a um dos suspeitos de realizar o ataque. Identificado como Dzhokhar Tsarnaev, 19 anos, o foragido teria provocado as explosões à bomba perto da linha de chegada da corrida. Tamerlan Tsarnaev, seu irmão mais velho, também identificado como suspeito do ataque, foi morto em uma troca de tiros na madrugada.

Os irmãos Tsarnaev nasceram na região do cáucaso russo , perto da Chechênia, região considerada terreno fértil para o terrorismo.


Leia tudo sobre: ataque em bostonbostoncáucasochechêniatsarnaeveua

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas