Veterano da guerra dos Bálcãs mata 13 parentes e vizinhos em aldeia sérvia

Por Reuters | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Entre os mortos estão mãe do atirador, seu filho e uma criança de dois anos. Agressor se matou quando notou aproximação de carro de patrulha da polícia

Reuters

Um veterano da guerra dos Balcãs, na década de 1990, deixou 13 mortos, incluindo sua mãe, o filho e uma criança de 2 anos, durante a madrugada desta terça-feira em uma pequena aldeia no centro da Sérvia, disseram autoridades.

Dezembro: Massacre em escola primária deixa 27 mortos nos EUA

AP
Radmilo Bogdanovic, irmão do atirador Ljubisa Bogdanovic, chora na vila de Velika Ivanca, Sérvia

O homem, identificado pela polícia como Ljubisa Bogdanovic, também atirou em sua mulher antes de virar a arma contra si mesmo. Ambos estavam em estado crítico no hospital, disse a polícia.

"A maioria das vítimas foi baleada na cabeça enquanto dormia", afirmou o chefe de polícia Milorad Veljovic no local em Velika Ivanca, a cerca de 40 quilômetros a sudoeste de Belgrado. Ele disse que as vítimas em cinco casas eram parentes e vizinhos do atirador: seis homens, seis mulheres e uma criança.

"Nunca tivemos uma tragédia desse tipo na Sérvia e temos de descobrir o que levou esse homem a matar tantas pessoas enquanto dormiam", disse Veljovic. O governo convocou uma sessão de gabinete.

O motivo para os assassinatos, realizados com uma pistola semiautomática 9 mm logo após a meia-noite (horário de Brasília), não era conhecida.

Veljovic disse que Bogdanovic, nascido em 1953, lutou na guerra de 1991 a 1995 na Croácia durante o colapso da Iugoslávia e tinha autorização de porte de arma de fogo. Ele e seu filho haviam perdido seus empregos em uma empresa eslovena na Sérvia no ano passado.

Relatos da mídia sérvia apontaram que o pai do homem e o tio tinham cometido suicídio havia alguns anos. A polícia disse que Bogdanovic disparou contra si mesmo depois de ver um carro de patrulha da polícia se aproximar da aldeia.

Leia tudo sobre: sérviaatiradorguerra dos bálcãs

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas