Estudante esfaqueia 14 em campus de faculdade do Texas

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Dois estão em estado crítico depois de suspeito ir de prédio em prédio na Lone Star Community College System

Um estudante deixou ao menos 14 feridos a facadas ao ir de prédio em prédio em um campus de uma faculdade no Texas, disseram autoridades. Segundo o porta-voz Thomas Gilliland, há um suspeito sob custódia.

Dezembro: Massacre em escola primária deixa 27 mortos nos EUA

AP
Equipes levam vítima esfaqueada em campus da faculdade Lone Star community para helicóptero no Texas

Sérvia: Veterano da guerra dos Bálcãs mata 13 parentes e vizinhos em aldeia

O ataque lançado cerca de 11h20 locais (13h20 em Brasília) no campus da Lone Star Community College System levou ao menos 12 pessoas para hospitais da área, incluindo quatro transportados por helicóptero, de acordo com o porta-voz voluntário do Departamento dos Bombeiros Robert Rasa. Segundo ele, vários rejeitaram tratamento no local do ataque e todos os ferimentos eram consistentes com facadas.

Funcionários de ensino inicialmente pediram àqueles presentes no campus, localizado a cerca de 40 km a noroeste do centro de Houston, que se abrigassem e ficassem alerta para a possibilidade de um segundo suspeito. Mas, pouco depois, Gilliland afirmou que as autoridades acreditavam que havia apenas um responsável pela ação. "Foi o mesmo suspeito indo de prédio em prédio", disse.

Leia também: Veja os principais ataques em escolas que aconteceram no mundo

De acordo com o xerife do condado de Harris, Adrian Garcia, o suspeito está matriculado na Lone Star. Gilliland informou que o agressor estaria com algum tipo de faca ou lápis, mas as autoridades não puderam confirmar imediatamente a arma usada.

O estudante Teaundrae Perryman relatou estar em aula quando recebeu uma mensagem de texto de um amigo e saiu para ver uma jovem sendo carregada para uma ambulância com o que pareciam ser ferimentos de faca no pescoço e cabeça. Ele disse que não recebeu um email de alerta da faculdade até 11h56 locais.

"Fiquei preocupado, mas não com medo, porque estava com um grande grupo de pessoas", disse o estudante de 21 anos, acrescentando: "A polícia chegou ao local do crime muito rapidamente."

Quatro dos transportados por helicóptero e outros dois com ferimentos moderados foram levados ao Hospital Memorial Hermann. Dos seis, dois estão em condição crítica, enquanto os outros quatro estão em situação estável, disse a porta-voz hospitalar Alex Rodriguez.

Uma estudante disse que soube de uma de suas colegas havia sido atacada quando deixava o prédio do Centro de Ciência da Saúde da faculdade. "Liguei para falar com uma outra colega que ainda estava no prédio, e ela disse que a sala de aula havia sido fechada e que um dos alunos havia sido esfaqueado", disse Margo Shimfarr-Evans à KHOU-TV. "Isso aconteceu no corredor."

Courtland Sedlachek, 18, estava em aula quando seu telefone e de outros alunos começaram a tocar. A sala foi imediatamente fechada, mas os estudantes puderam deixar o campus pouco tempo depois, no que foi descrito por Sedlachek como retirada organizada.

O ataque aconteceu três meses depois de um campus diferente da Lone Star ter sido palco de um ataque a tiros com dois feridos.

*Com AP

Leia tudo sobre: texasataque a faca

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas