Renúncia do papa Bento 16 repercute nas redes sociais

Por iG Brasília | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Em pleno carnaval, assunto está entre os mais comentados no Twitter; internautas se dividem entre elogiar a decisão, criticá-la ou fazer piada da notícia

A renúncia do papa Bento 16 ao comando da Igreja Católica repercute nas redes sociais desde a manhã desta segunda-feira. Às 16h, o assunto continuava entre os mais comentados do Twitter no Brasil e gerando comentários no Facebook, mesmo em pleno carnaval. Os internautas se dividiam entre elogiar a decisão, criticá-la ou fazer piada da notícia.

Mudanças na Igreja Católica: Papa Bento 16 anuncia renúncia ao cargo

Leia mais: CNBB espera que primeira visita do novo papa seja ao Rio de Janeiro

Para os católicos que vão participar da Jornada Mundial da Juventude, encontro que reúne milhares de jovens do mundo todo a cada dois anos, em julho no Rio de Janeiro, a notícia virou decepção. No Twitter, Antônio Augusto (@aadm_aquino) escreveu: “Um dos meus objetivos para esse ano seria ver o Papa Bento XVI na #JMJ2013. Infelizmente, houve mudança de planos. Fomos pegos de surpresa.”

AP
Papa Bento 16 anunciou que vai deixar o comando da Igreja Católica no dia 28 de fevereiro

Outros agradeciam o trabalho feito pelo papa e pediam orações. No Facebook, o internauta Paulo Romano publicou: “Bento 16 teve uma postura coerente e sensata. Parabéns Bento 16, sua atitude é de um verdadeiro seguidor de Cristo, demonstrando humildade em assumir que já está na hora de passar o bastão da Igreja a outro Papa, que o próximo tenha a mesma lealdade a Cristo e humildade de um verdadeiro servo. Este tipo de atitude é o que todo cristão espera de um sacerdote dotado de sabedoria. Bento 16 eternamente PAPA.”

Galeria de fotos: Relembre a trajetória de Bento 16

Brasil: Arcebispos dizem que Bento 16 deu exemplo de coragem com renúncia

Dom Damasceno: 'Bento 16 não emitirá opinião sobre sucessor'

As críticas ao papa também são numerosas nas redes sociais. Internautas defenderam a saída dele, dizendo que a Igreja precisava de um líder “mais antenado com o mundo atual” ou que essa era uma oportunidade de “reformar” a Igreja. Geovane Marques (@geovanectba) tuitou: “Feliz com a renúncia do Papa Bento XVI como ateu desejo uma igreja menos fundamentalista e mais humana”. Alguns o chamaram de “fraco e sem carisma”.

Mídia: Renúncia de Bento 16 é destaque na imprensa internacional

Mundo: Líderes reagem ao anúncio da renúncia do papa Bento 16

As comparações com João Paulo 2, papa anterior que se manteve no cargo até falecer, também se multiplicaram. Muitos fiéis temem que a decisão de Bento 16 seja sinal de “covardia” ou de “crise” dentro da Igreja. Ontem, no dia 10 de fevereiro, o papa também utilizou o Twitter para se comunicar com os católicos: “Devemos ter confiança na força da misericórdia de Deus. Embora sejamos todos pecadores, a sua graça nos transforma e renova.”

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas