Câmara dos EUA aprova criação de fundo para vítimas da tempestade Sandy

Por Reuters |

compartilhe

Tamanho do texto

Câmara dos EUA aprova projeto de lei de seguro do Sandy após atraso

Reuters

A Câmara dos Deputados dos Estados Unidos aprovou nesta sexta-feira um fundo inicial federal para as vítimas da supertempestade Sandy de 9,7 bilhões de dólares, com os deputados de Nova York e Nova Jersey ainda irritados com o atraso na votação sobre o resto do pacote de ajuda de 60 bilhões de dólares.

Relembre: Tempestade Sandy provoca mortes e queda de energia nos EUA

Reveja as imagens que marcaram a passagem da tempestade Sandy nos EUA

Sanduíches de churrasco são distribuídos em bairro de Nova York gratuitamente. Foto: Cesar CunignhantBairro de Nova York serve sanduíches de churrasco para a comunidade: população tenta voltar à vida normal. Foto: Cesar CunignhantPrédios danificados em Nova York após passagem de tempestade Sandy. Foto: Cesar CunignhantEstrada que passa Carolina do Norte ficou totalmente destruída pela passagem de tempestade Sandy . Foto: APNavio é visto na baía de Staten Island, em Nova York. Foto: APCaminhão precisa ser rebocado em Garrett, no Oeste de Maryland: fortes nevascas atingem alguns estados na costa leste. Foto: APEnchente invadiu uma construção e destruiu casas em East Haven, Connecticut. Foto: ReutersMoradores do bairro de Rockaways tiveram casas queimadas após passagem de Sandy. Foto: ReutersHomem analisa estragos causados pela cheia do rio Mantoloking, em Brick, Nova Jersey. Foto: APTrabalhadores tentam remover postes e semáforos danificados em Filadélfia, capital da Pensilvânia. Foto: APÁrvore cai em Sea Cliff, no Estado de Nova York (30/10). Foto: APMulher beija sua filha, resgatada de inundação em Little Ferry, Nova Jersey (30/10). Foto: APDanos causados por incêndio durante a passagem da tempestade Sandy por Breezy Point, Nova York (30/10). Foto: APIncêndio destrói casas e Breezy Point, no Queens, durante passagem de tempestade Sandy por Nova York (30/10). Foto: APEstacionamento cheio de táxis inundado em Hoboken, Nova Jersey (30/10). Foto: APCarros são vistos boiando no distrito financeiro de Nova York (30/10). Foto: Getty ImagesBarcos ficam empilhados em cais de West Babylon, Nova Jersey (30/10). Foto: APHomem observa loja inundada em Nova York (30/10). Foto: Getty ImagesMoradora observa região ao redor de seu apartamento em Atlantic City, Nova Jersey (30/10). Foto: Getty ImagesDetritos enchem rua do Brooklyn, em Nova York (30/10). Foto: Getty ImagesBarreiras temporárias são vistas no distrito financeiro de Nova York (30/10). Foto: Getty ImagesBombeiros observam danos causados a prédio em Nova York (29/10). Foto: APEmpire State é um dos poucos pontos iluminados em Manhattan, Nova York, durante corte de energia causado por tempestade (29/10). Foto: ReutersBarco naufraga no Oceano Atlântico em região próxima a Hatteras, na Carolina do Norte (29/10). Foto: APÁguas invadem estação de trem em Nova Jersey (29/10). Foto: ReutersTrabalhador anda por rua inundada de Nova York (29/10). Foto: Getty ImagesRuas ficam inundadas embaixo da ponte de Manhattan, em Nova York (29/10). Foto: APInvasão de ondas na região de Atlantic City (29/10). Foto: APÁgua invade obras no Marco Zero, local onde ficavam as torres do World Trade Center, em Nova York (29/10). Foto: APEquipes médicas colocam paciente em ambulância durante evacuação de hospital em Nova York (29/10). Foto: APAbrigo montado pela Cruz Vermelha no bairro de Deer Park, em Nova York, para pessoas que deixaram suas casas (29/10). Foto: AP

A votação de 354 a 67 vai manter o Programa Nacional de Seguro contra Enchente solvente e capaz de continuar pagando as reivindicações de milhares de proprietários que sofreram danos nas zonas costeiras de Nova York, Nova Jersey e Connecticut.

A medida ainda deve receber a aprovação do Senado, onde um assessor democrata disse que o líder da maioria no Senado, Harry Reid, esperava aprová-lo por unanimidade.

O presidente da Câmara, John Boehner, recebeu críticas no início desta semana de companheiros republicanos quando cancelou uma votação na Casa sobre o pacote total de ajuda de 60,4 bilhões de dólares aprovado pelo Senado.

A frustração continuou em ambos os partidos na sexta-feira, enquanto parlamentares diziam que a injeção de recursos no seguro de enchente pouco faria para ajudar a maior parte dos que sofreram mais de dois meses depois da devastadora tempestade de 29 de outubro.

Leia também: Sandy paralisa campanha eleitoral nos EUA

"Levou apenas 10 dias depois do Katrina para o presidente Bush assinar a ajuda do Katrina de 60 bilhões de dólares", disse o deputado democrata de Nova Jersey Bill Pascrell, referindo-se ao furacão de 2005 que devastou a Costa do Golfo.

"Como vocês se atrevem a vir até esse andar e fazer as pessoas acharem que tudo está ok?"

Leia tudo sobre: EUASandyTempestadeClima

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas