Jornal é criticado por foto de homem atropelado por metrô em Nova York

The New York Post causa polêmica ao publicar imagem de homem a ponto de ser atropelado com a manchete: 'Jogado nos trilhos do metrô, este homem está prestes a morrer'

iG São Paulo | - Atualizada às

Uma foto na primeira página do jornal The New York Post mostrando um homem a ponto de ser atropelado pelo metrô em Nova York causou polêmica e levou muitos leitores indignados a criticar a publicação da imagem e a questionar por que ninguém tentou salvar a vítima.

Getty Images
Passageiros esperam chegada de trem em estação de Nova York (23/12/2005)

A polícia disse que Ki-Suck Han, de 58 anos, foi jogado nos trilhos durante um briga com um homem transtornado em uma estação de metrô perto de Times Square na segunda-feira. O homem tentou sair dos trilhos, mas o trem o atingiu e ele acabou morrendo na frente de uma multidão de passageiros.

Um dos passageiros que presenciavam a cena era R. Umar Abbasi, fotógrafo free-lancer do Post, que tirou uma série de fotos, incluindo a que foi publicada na primeira página do jornal na terça-feira sob a manchete "jogado nos trilhos do metrô, este homem está prestes a morrer".

O Post defendeu-se alegando que esta e outras duas fotos publicadas foram resultados não intencionais das tentativas do fotógrafo de resgatar o homem.

"Sem a força necessária para tirar a vítima (dos trilhos), o fotógrafo usou seu único recurso disponível e começou rapidamente a disparar o flash para advertir o condutor do trem para que parasse", afirma o Post em uma nota.

No entanto, os leitores criticaram o fotógrafo e os editores do jornal por sua atitude. "O fotógrafo disse que usou o flash da câmara para alertar o condutor, só que as fotos saíram muito bem batidas", disse uma leitora.

Suspeito é preso

Nesta quarta-feira, a polícia declarou que Naeem Davis, 30 anos, foi preso pela morte de Han, um dia depois de ter sido questionado no caso após ter sido visto trabalhando com camelôs perto do Rockefeller Center. Ele foi levado sob custódia pelo fato de sua aparência ser similar ao do suspeito gravado por câmeras de segurança do metrô. Segundo a polícia, Davis fez declarações que o implicaram na morte de Han.

*Com AFP e AP

    Leia tudo sobre: nova yorkeuametrô

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG