Adolescente é acusado de matar menina de 13 anos em ônibus escolar nos EUA

Segundo polícia de Miami, Jordyn Alexander Howe, 15, disparou acidentalmente ao mostrar arma para colega dentro do veículo

iG São Paulo |

Um jovem de 15 anos foi acusado de homicídio culposo pela morte de uma menina de 13 anos baleada em um ônibus escolar no sudoeste de Miami, na Flórida. Segundo informações da polícia divulgadas nesta quarta-feira, o disparo teria sido acidental.

Jordyn Alexander Howe, 15, foi acusado na terça-feira à noite de homicídio culposo e posse ilegal de arma de fogo, indicou um comunicado da polícia do condado de Miami Dade.

Leia também:  Menina de 9 anos é detida nos EUA após confusão em ônibus escolar

A vítima foi identificada como Lourdes Guzmán de Jesús, 13, que morreu após ter sido atingida por um tiro no peito quando ia para a escola na manhã de terça-feira. Ela estava dentro do ônibus escolar com outras oito crianças, entre elas sua irmã de 7 anos.

De acordo com a imprensa local, tanto o autor do tiro como a vítima são de origem latina.

O adolescente teria passado vários dias exibindo a arma em sua sala de aula. Na manhã de terça-feira, no ônibus, um de seus colegas pediu que ele a mostrasse, indicou uma fonte policial citada pelo jornal El Nuevo Herald. Quando Howe foi guardar a arma em sua mochila, a arma disparou acidentalmente, informou a mesma fonte.

Com AFP

    Leia tudo sobre: euamiamiassassinato

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG