Presidente equatoriano tem alto nível de popularidade graças aos altos desembolsos estatais em petróleo e receitas fiscais de infraestrutura

Reuters

Discurso do presidente equatoriano, Rafael Correa, em fevereiro deste ano
EFE
Discurso do presidente equatoriano, Rafael Correa, em fevereiro deste ano

O atual presidente do Equador, Rafael Correa, confirmou neste sábado (10) que irá se candidatar à reeleição em fevereiro de 2013, em uma disputa que ele deve vencer de forma confortável.

Leia mais:  Rafael Correa proíbe ministros de darem entrevistas à imprensa 'indecente'

Correa, de 49 anos, tem alto nível de popularidade graças aos altos desembolsos estatais em petróleo e receitas fiscais de infraestrutura e projetos de assistência social.

A oposição no Equador é dividida e não possui um líder forte.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.