Quatro dias após eleição, Obama é declarado vencedor na Flórida

Autoridades eleitorais do Estado anunciam que presidente reeleito bateu republicano Mitt Romney por cerca de 74 mil votos

iG São Paulo |

Quatro dias depois da eleição que reelegeu o presidente Barack Obama, autoridades anunciaram a vitória do democrata no Estado da Flórida, o único que ainda continuava a apuração dos votos. Com isso, na contagem final, Obama conquistou 332 delegados contra 206 do republicano Mitt Romney.

Indireta, a eleição americana não é decidida pelos votos populares, mas por disputas Estado a Estado e seus respectivos delegados no Colégio Eleitoral, órgão de 538 membros. Para vencer é preciso conquistar 270 delegados.

Leia também:  Obama teve forte apoio de minorias e mulheres para conquistar reeleição

Saiba mais: Acompanhe todas as notícias sobre a eleição nos EUA

AP
O presidente dos EUA, Barack Obama, comemora vitória em Chicago (07/11)

A vitória de Obam foi anunciada na noite de terça-feira nos EUA (madrugada de quarta-feira no Brasil), mesmo sem o fim da apuração na Flórida. Neste sábado, autoridades eleitorais do Estado disseram que, com quase 100% da apuração concluída, Obama teve 50% dos votos contra 49,1% de Romney, uma diferença de cerca de 74 mil votos.

Se a diferença entre os dois candidatos fosse de meio ponto percentual ou menos, uma recontagem seria obrigatória. 

A demora para o anúncio do resultado fez lembrar 2000, quando um caótico processo de votação na Flórida fez com que a decisão sobre o novo presidente dos EUA coubesse à Suprema Corte: George W. Bush (2001-2009) ganhou um segundo mandato, vencendo Al Gore. A diferença entre os dois foi de 537 votos.

Com a vitória na Flórida, Obama levou oito dos nove Estados considerados cruciais para a eleição americana, por não terem tendência partidária clara. Ele venceu também em Ohio, Iowa, Nova Hampshire, Wisconsin, Virginia, Colorado e Nevada. Romney conquistou a maioria dos votos na Carolina do Norte.

Com AP

    Leia tudo sobre: eleição nos euaeuaromneyobamarepublicanosdemocratasflórida

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG