Ex-governador do Estado chegou ao posto eleitoral de Belmont com a mulher Ann Romney; candidato a vice Paul Ryan votou com a família em Wisconsin

O candidato republicano à presidencia dos Estados Unidos, Mitt Romney , votou nesta terça-feira em um posto eleitoral de Belmont, no Estado de Massachussets, onde atuou como governador . Depois de votar, ele deu um beijo em sua mulher,  Ann Romney , que o acompanhava.

Romney votou ao lado da mulher Ann em posto de votação em Belmont, Massachussets
AP
Romney votou ao lado da mulher Ann em posto de votação em Belmont, Massachussets

Romney afirmou se sentir bem sobre as chances de vencer a disputa. Quanto às perspectivas para Ohio, Romney afirmou: "Me sinto ótimo com relação a Ohio." Questionado sobre em quem votou, o republicano, visivelmente tranquilo, respondeu: "Acho que vocês sabem."

Essa foi a primeira vez que Romney falou aos jornalistas que o acompanham desde 28 de setembro - um silêncio de cinco semanas.

Romney manterá sua campanha pessoalmente até "o último minuto", com comícios em Cleaveland, Ohio, e Pittsburgh, Pensilvânia. Depois se dirige a Boston para acompanhar a apuração.

Veja o especial do iG sobre as eleições nos EUA

iG em Chicago: Obama e Romney disputam voto a voto eleição acirrada nos EUA

De acordo com um assessor do candidato republicano, a campanha nos dois Estados “ajudará a manter a energia correndo” até o fechamento das urnas. A ideia é que que a campanha “continue até que a votação termine”, disse. O candidato a vice-presidente da chapa Romney, republicano Paul Ryan, votou ao lado de sua esposa e três filhos, em Janesville, Wisconsin. 

Paul Ryan votou ao lado da esposa e três filhos, em Wisconsin; ele é candidato a vice de Romney
Reuters
Paul Ryan votou ao lado da esposa e três filhos, em Wisconsin; ele é candidato a vice de Romney


Candidatos democratas

Joe Biden, vice-presidente dos EUA e candidato à reeleição na chapa de Obama, votou nesta manhã na cidade de Greenville, em Delaware. Sorridente, Biden chegou ao ponto de votação cumprimentando funcionários do local e eleitores.

Saiba mais sobre as propostas de Obama e Romney
Entenda como funcionam as eleições americanas
Entenda como funciona o Colégio Eleitoral americano

No último dia 25, o presidente Barack Obama votou antecipadamente  em um centro comunitário de Chicago, sua cidade natal. Foi considerado um momento histórico já que o democrata se tornou o primeiro chefe de Estado a aproveitar a lei que permite aos americanos de alguns estados votarem com antecedência.

Obama já havia indicado, inclusive, sua pretensão de votar antecipadamente. A ideia é estimular eleitores indecisos, membros de comunidades carentes e imigrantes a fazerem o mesmo.

Com Reuters e AP

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.