Otan matou 4 crianças em operação no leste do Afeganistão, diz presidente

Organização reconhece a possibilidade de ter atingido civis no distrito de Baraki Barak

iG São Paulo |

O presidente do Afeganistão, Hamid Karzai, condenou na terça-feira uma operação da Otan que, segundo ele, matou quatro crianças no leste do país. A organização internacional reconheceu a possibilidade de ter atingido acidentalmente civis afegãos durante a operação no distrito de Baraki Barak. O general americano John R. Allen, chefe das operações no país, lamentou o ocorrido.

AP
Soldados afegãos são treinados pelas forças de segurança da Otan

A operação ocorreu na província de Logar, no domingo, segundo um comunicado divulgado pelo gabinete de Karzai. "Ela resultou na morte de quatro crianças inocentes" que cuidavam de um rebanho, acrescentou o comunicado. Segundo o governo local, as vítimas tinham entre 10 e 13 anos e cuidavam de animais em uma fazenda.

As mortes de civis são uma grande fonte de atrito entre o governo de Karzai e as forças da Otan lideradas pelos Estados Unidos no Afeganistão.

"Apesar das reiteradas promessas da Otan de evitar a ocorrência de vítimas civis, vidas inocentes, incluindo de crianças, continuam a ser perdidas", afirmou Karzai no comunicado.

Uma porta-voz da Força Internacional de Assistência à Segurança (Isaf), da Otan, disse que estava ciente de possíveis vítimas civis decorrentes da operação de 20 de outubro.

Ataques

Insurgentes do Taleban mataram nesta terça-feira dez soldados afegãos em uma emboscada na província de Herat. De acordo com o governo local, soldados e policiais investigavam um suposto bloqueio em uma estrada quando foram surpreendidos por militantes. Houve troca de tiros e 25 suspeitos foram presos.

Esse foi o ataque mais sangrento deste ano na região oeste do Afeganistão, uma área em que as forças de segurança dos Estados Unidos, em conjunto com a Otan, conseguiram desestabilizar o domínio da rede extremista.

Em outro episódio isolado, um soldado americano foi morto em um ataque organizado por membros do Taleban. O Exército dos Estados Unidos, porém, não divulgou mais detalhes sobre o episódio. Somente neste mês de outubro, 12 soldados baseados no Afeganistão morreram em ataques de rebeldes extremistas.

Com Reuters e AP

    Leia tudo sobre: MUNDOAFEGANISTAOCRIANCASMORREM

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG