Explosões em região xiita de Bagdá causam 11 mortes

Duas bombas foram detonadas em mercado e causaram danos em várias lojas e edifícios

EFE |

EFE

Pelo menos 11 pessoas morreram e 50 ficaram feridas neste sábado pela explosão de dois artefatos na região de Al Kazemiya, de maioria xiita, no norte de Bagdá, informou uma fonte do Ministério do Interior do Iraque. As duas bombas explodiram de maneira consecutiva no mercado popular de Bab al Deruaza, no centro de Al Kazemiya, e também causou danos em várias lojas e edifícios próximos.

Outro ataque: Série de atentados no Iraque resulta em 34 mortos e 85 feridos

Em outro fato, dois funcionários do Ministério de Justiça iraquiano morreram baleados quando se transferiam em seu carro no bairro de Al Basatin, no nordeste de Bagdá, detalhou a fonte. Outro grupo armado matou um advogado na cidade de Ramadi, capital da província de Al-Anbar (oeste do Iraque), enquanto um soldado iraquiano morreu por disparos de desconhecidos perto de sua casa nas imediações da cidade de Mossul, 400 quilômetros ao norte de Bagdá.

    Leia tudo sobre: IraqueterrorismobombasBagdá

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG