Fumaça tóxica força retirada de 2 mil pessoas na Alemanha

Nuvem foi provocada por vazamento em fábrica da empresa Kraft Foods e pode causar graves lesões respiratórias e dermatológicas

EFE |

EFE

Mais de duas mil pessoas foram evacuadas na noite desta segunda-feira na cidade alemã de Bad Fallingbostel, no estado da Baixa Saxônia, devido a uma nuvem tóxica altamente venenosa produzida por um erro de manipulação química em uma fábrica da empresa Kraft Foods.

Um porta-voz dos bombeiros informou hoje que foi necessário evacuar os 250 trabalhadores da fábrica e cerca de 1.800 habitantes de casas da região. A nuvem tóxica foi produzida durante a tarde de ontem quando os operários tentavam extrair o ácido nítrico que vazou por erro em um depósito de soda cáustica. O porta-voz dos bombeiros, que trabalham com trajes especiais, explicou que o eventual contato com a nuvem pode causar graves lesões respiratórias e dermatológicas.

Mais de mil pessoas, entre bombeiros e forças de resgate, tentam controlar a situação, que segundo um porta-voz da empresa voltou a se complicar na manhã de hoje por conta da elevação da temperatura no depósito que contém a mistura química perigosa.Os afetados foram instalados provisoriamente em escolas e pavilhões esportivos até que a situação seja controlada. 

    Leia tudo sobre: alemanhasubstância tóxicafumaçakraft foods

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG