Acusado de ataque em cinema dos EUA ameaçara professor, dizem promotores

Documentos judiciais contradizem versão de universidade e dizem que James Holmes foi banido do campus por ameaças, e não porque tinha abandonado curso

iG São Paulo | - Atualizada às

AP
James Holmes, acusado de massacre em cinema de Aurora, no Colorado (20/09)

O americano James Holmes, acusado de um  ataque que deixou 12 mortos em um cinema de Aurora, no Colorado, tinha feito ameaças a um professor e sido banido do campus universitário antes do massacre, afirmaram promotores nesta sexta-feira.

Leia também:  Feridos em massacre nos EUA processam rede de cinemas

Novos documentos divulgados pela Justiça afirmam que Holmes teve seu acesso ao campus vetado por causa das ameaças contra um professor, cujo nome não foi informado. Tal afirmação contradiz a versão da universidade de que o jovem não podia entrar no local porque tinha abandonado o curso.

Holmes enfrenta 152 acusações pelo massacre, que aconteceu em julho, durante a estreia mundial do filme "Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge". Seus advogados afirmam que ele tem problemas psicológicos e existe a possibilidade de que Holmes declare ser inocente por insanidade. 

Os documentos mostram que a equipe de defesa conta com um psiquiatra que deve ser usado como especialista. Os advogados de Holmes disseram que ele tentou falar com sua psiquiatra, que era da universidade, minutos antes do ataque, sem sucesso.

Saiba mais: Veja todas as notícias sobre o ataque ao cinema em Aurora

Holmes também enviou um notebook para sua psiquiatra, Lynne Fenton , que continha descrições violentas do ataque, segundo advogados. Lynne nunca recebeu o pacote, que só foi descoberto na universidade após o massacre.

A defesa de Holmes não quer que o conteúdo do notebook seja usado como evidência no julgamento e argumentam que o material está protegido pelo acordo de confidencialidade entre médico e paciente. Os promotores, por sua vez, afirmam que o acordo acabou em 11 de junho, data da última consulta, semanas antes do ataque.

Com AP

    Leia tudo sobre: ataque em aurorabatmanjames holmeseuacoloradoatirador

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG