Tempestade Nadine se converte no oitavo furacão da temporada no Atlântico

Com ventos máximos na faixa de 120 km/h, fenômeno ganhou força mas até agora não representa uma ameaça ao continente americano, de acordo com autoridades

AFP |

AFP

A tempestade Nadine ganhou força e se converteu no oitavo furacão da temporada no Oceano Atlântico, mas não representa uma ameaça ao continente americano, informou neste sábado o Centro Nacional de Furacões dos Estados Unidos (CNH), com sede em Miami (sudeste). Com ventos máximos de até 120 km/h, o furacão Nadine chegou à categoria um da escala Saffir-Simpson, de cinco graus.

Leia também: Tempestade Isaac inunda Haiti e segue para Cuba

O serviço meteorológico norte-americano afirmou que o olho do furacão está localizado a 1.170 km ao leste das ilhas Bermudas.O furacão se movia na direção norte-nordeste a 22,5 km/h."Espera-se a passagem pelo nordeste e uma ligeira diminuição na velocidade pela manhã deste sábado, seguida de uma aceleração para o leste no sábado à noite e no domingo", disse a CNH.O organismo disse ainda que esperava poucas mudanças na intensidade dos ventos nos próximas 48 horas.

    Leia tudo sobre: euaclimafuracão

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG