Após sumiço, líder chinês é afastado por suposto problema de saúde

Cotado para assumir a presidência da China, Xi Jinping está com uma lesão nas costas

iG São Paulo |

Depois de cancelar três reuniões com autoridades internacionais, incluindo uma com a secretária de Estado americana, Hillary Clinton, o líder chinês Xi Jinping justificou as constantes ausências por causa de um suposto problema de saúde. De acordo com fontes anônimas, ele sofreu uma lesão nas costas enquanto praticava natação.

AP
Xi Jinping em foto tirada no dia 1º de setembro

Um dos políticos mais influentes do Partido Comunista da China, Xi Jinping é considerado o principal nome para assumir a presidência do país. Porém, sua ausência em vários compromissos, como os encontros com os primeiros-ministros de Cingapura e Dinamarca, levantaram um mistério sobre as suas condições físicas. Tradicionalmente, os líderes chineses não divulgam o estado de saúde dos membros do governo.

Uma fonte ligada ao regime comunista disse que ele "distendeu um músculo quando foi nadar". Outra, citando amigos do dirigente, afirmou que ele "não está bem, mas que o problema não é grave". Ambas pediram anonimato.

A última aparição pública de Xi Jinping foi em 1º de setembro, numa cerimônia oficial do Partido Comunista, em Pequim. Os boatos sobre a sua condição de saúde chegam em um momento conturbado da política chinesa. No início de 2012, Bo Xilai, um dirigente regional bastante influente, foi afastado da cúpula do governo depois que sua esposa foi condenada pelo assassinato de um empresário.

Leia mais:  Escândalo derruba político em ascensão na China

Neste mês, um dos principais aliados do atual presidente Hu Jintao foi afastado depois que seu filho se envolveu em um grave acidente de trânsito a bordo de uma Ferrari.

    Leia tudo sobre: ChinaPartido ComunistaHu Jintao

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG