Farc vão pedir cessar-fogo em negociação de paz com governo colombiano

Governo colombiano, porém, afirmou que operações militares contra grupo guerrilheiros continuarão durante as conversas, marcadas para começar em outubro

iG São Paulo |

AP
Mauricio Jaramillo, um dos líderes das Farc, durante entrevista em Havana (04/09)

As Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) afirmaram nesta quinta-feira que vão pedir a implementação de um cessar-fogo no início das negociações de paz com o governo colombiano, marcadas para começar em 8 de outubro na Noruega.

Saiba mais: Entenda as negociações de paz entre as Farc e o governo colombiano

"Vamos propor um cessar-fogo imediatamente quando sentarmos à mesa", disse Mauricio Jaramillo, um dos chefes das Farc, em entrevista coletiva em Havana.

O acordo preliminar, detalhado pelo presidente da Colômbia , Juan Manuel Santos, nesta semana, não inclui um cessar-fogo. O governo afirmou que as operações militares contra o grupo continuariam apesar das negociações.

Santos chamou o acordo de um mapa para a "paz definitiva" e disse que ele foi alcançado após seis meses de negociações diretas em Cuba, que atuou como mediador junto à Noruega. Antes, houve um trabalho preparatório de um ano e meio.

Segundo Santos, a rodada de negociações - a quarta com as Farc em três décadas - será diferentes das anteriores por definir uma "agenda realista" que inclui a eventual entrega de armas pelos membros das Farc, que seriam integrados à vida política do país. Outros movimentos rebeldes da Colômbia, mais notavelmente o M-19, em 1990, já fizeram isso de maneira bem-sucedida.

O presidente colombiano afirmou que os pontos-chave das negociações serão reforma agrária, a devolução de terras roubadas, reducação da pobreza e compensação para vítimas. Outro tema importante é o tráfico de drogas, um ponto sensível pelo fato de a atividade ser considerada a principal fonte de renda das Farc.

Com Reuters, AP e BBC

    Leia tudo sobre: farccolômbianarcotráfico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG