Bombeiros demoraram mais de cinco horas para controlar o fogo; cerca de 300 pessoas trabalhavam no local

Entre 40 e 50 pessoas morreram durante o grande incêndio que destruiu uma fábrica de fogos de artifício na Índia, nesta quarta-feira. De acordo a polícia da cidade de Sivakasi, região sul país, ocorreram várias explosões, e os bombeiros demoraram mais de cinco horas para conseguir apagar os focos de chama.

Parentes de vítima de incêndio em fábrica de fogos de artifício, na Índia
AP
Parentes de vítima de incêndio em fábrica de fogos de artifício, na Índia

De acordo com a imprensa local, a fábrica - uma das maiores da cidade - abrigava 300 pessoas no momento do acidente. O local estava repleto de tipos de bombinhas, fogos de artifício e muita pólvora. Até agora, não há hipóteses sobre como começou o incêndio.

A região, distante a 500 km da capital do estado de Tamil Nadu, Chennai, é conhecida pelas inúmeras fábricas de fogos de artifício, usados principalmente em rituais religiosos. Muitos desses estabelecimentos funcionam sem permissão e de maneira bastante improvisada.

Com Reuters, AP e BCC

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.