Polícia de Roma encontra plantação de maconha em túnel da era Mussolini

Cultivo subterrâneo era feito com ajuda de luzes artificiais e sistema de irrigação, de acordo com autoridades italianas

iG São Paulo | - Atualizada às

A polícia de Roma, capital da Itália, encontrou uma plantação de maconha em um túnel construído durante o governo de Benito Mussolini (1922-1943) e depois abandonado.

Leia também: Autoridades da capital da Rússia plantam maconha em vez de grama

De acordo com autoridades, a plantação foi descoberta porque policiais sentiram cheiro de maconha vindo do túnel, que tem 1 km de comprimento e fica perto de uma estação de metrô.

Na segunda-feira, quando entraram no túnel, policiais encontraram primeiro uma plantação de cogumelos. Depois, acharam a plantação de maconha, que estava sendo cultivada atrás de um muro falso, com ajuda de luzes artificiais e de um sistema de irrigação.

Segundo a polícia, foram encontrados 340 quilos de maconha. O dono da plantação de cogumelos foi preso. Existe a suspeita de que ele faça parte de um esquema que envolve dezenas de pessoas e fornece drogas para todo o país.

Com AP e BBC

    Leia tudo sobre: maconhaitáliaromamussolini

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG