Soldados da Otan morrem após ataque a uma base no Afeganistão

O agressor foi detido pelas forças de coalizão

EFE |

EFE

Três soldados da missão da Otan no Afeganistão (Isaf, em inglês) foram vítimas do ataque de um afegão em uma base militar no sul do país, informaram neste sábado diferentes fontes oficiais.

"Um afegão que trabalhava em uma base da Isaf e do Exército afegão disparou e matou três soldados em Helmand.O agressor foi detido pelas forças da coalizão", explicou à Agência Efe um porta-voz da organização militar.

Já o porta-voz provincial de Helmand, Dawoud Ahmadi, precisou que o ataque aconteceu nesta sexta-feira no conflituoso distrito de Garmser, onde um soldado também ficou ferido, mas não pôde confirmar se o agressor era civil ou militar.

O novo incidente acontece poucas horas depois de outros três soldados americanos terem sido vítimas do ataque de um militar no povoado de Kozaki, também em Helmand. Esses dois casos são o último capítulo de uma série de ataques contra as forças afegãs e o contingente internacional desdobrado no país.

Na quinta-feira, dois policiais abriram fogo contra as tropas internacionais na cidade de Mehtarlam, e no último dia 7 outro soldado morreu após os disparos feitos por outros dois indivíduos vestidos com o uniforme do Exército do Afeganistão. Está em andamento no país o processo de retirada das tropas internacionais, que deve ser concluído em 2014. 

    Leia tudo sobre: afeganistãoataque

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG