Michelle Obama encontra equipe olímpica dos EUA em Londres

Primeira-dama americana lembrou 'inspiração' dos Jogos Olímpicos durante a infância e deu um conselho aos atletas: "Tentem se divertir, mas também vençam, tá?"

iG São Paulo | - Atualizada às

A primeira-dama dos Estados Unidos, Michelle Obama , participou nesta sexta-feira em Londres de um café da manhã com os atletas americanos que participarão das Olimpíadas . Sorridente e distribuindo abraços, a primeira-dama deu um conselho aos esportistas: “Tentem se divertir, tentem respirar um pouco”, afirmou. “Mas também vençam, tá?”

Saiba mais: Acompanhe a cobertura completa das Olimpíadas de Londres

O evento ocorreu um dia depois de o candidato republicano à presidência dos EUA, Mitt Romney , rival do líder Barack Obama na eleição de novembro, ter causado um mal-estar durante visita a Londres ao pôr em dúvida a organização das Olimpíadas.

Animada, Michelle disse estar honrada de encontrar os atletas e contou que os Jogos Olímpicos eram motivo de inspiração durante sua infância.

"As Olimpíadas causavam uma sensação especial em nossa pequena casa em Chicago", disse aos atletas americanos no centro de treinamento em Londres, a poucas horas da cerimônia de abertura da maior festa do esporte mundial na capital inglesa. "Meu irmão e eu sonhávamos que um dia, se trabalhássemos duro, seríamos capazes de conseguir algo igualmente grande. Ainda tenho aquele sentimento de orgulho, nervosismo e assombro".

Michelle Obama recordou que o pai, um atleta que teve de abandonar as atividades físicas por causa uma esclerose múltipla, assistia as transmissões com entusiasmo. "Ele manteve seu amor pelos esportes”, disse. “E as Olimpíadas eram um momento especial para ele assistir esses incríveis atletas de todas as categorias competindo em uma arena mundial.”

A primeira-dama, cuja principal bandeira é a campanha contra a obesidade infantil , disse esperar que os atletas americanos estimulem as crianças a "levantar do sofá". "Nosso objetivo é melhorar a saúde de todas as crianças de nosso país e do mundo. E isto começa com elas se levantando e se movimentando", completou.

Michelle tem agenda cheia nesta sexta-feira. Além do encontro com atletas, ela participou de um ato esportivo com mil crianças, filhos de militares americanos e estudantes britânicos e americanos. Ela também vai assistir à cerimônia de abertura.

No sábado, Michelle encontrará Samantha Cameron, mulher do premiê britânico, David Cameron, e assistirá algumas partidas antes de voltar aos EUA, no domingo.

AP
Michelle Obama posa com equipe feminina de basquete dos EUA durante evento em Londres

As declarações de Romney sobre problemas organizacionais ‘desconcertantes’ nas Olimpíadas foram feitas durante uma entrevista à rede americana NBC News.

“As histórias sobre falta de pessoal nas empresas de segurança privada, a suposta greve dos funcionários de imigração e alfândega, tudo isso obviamente não é muito encorajador”, afirmou Romney, que foi responsável pelas Olimpíadas de Inverno de South Lake City, nos EUA, em 2002. “É difícil saber o que vai acontecer.”

Na quinta-feira, Romney e Cameron tiveram uma reunião privada. Depois, diante da imprensa, Romney voltou a fazer comentários sobre as Olimpíadas. “É impossível não acontecer absolutamente nada de errado”, disse. “É claro que alguns erros vão acontecer às vezes, mas todos serão ofuscados pelas extraordinárias demonstrações de coragem, caráter e determinação dos atletas”.

Em resposta, Cameron disse aos jornalistas que Romney e outras pessoas logo teriam a certeza de que “o Reino Unido consegue cumprir o que promete”.

Com AFP e AP

    Leia tudo sobre: michelle obamaobamaeualondres 2012olimpíadaseleição nos eua

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG