Suspeito detalhou massacre a cinema nos EUA em caderno enviado a psiquiatra

Segundo site da FoxNews, Holmes indicou como mataria pessoas em material enviado no início da semana passada a profissional de Universidade do Colorado

Reuters |

Reuters

O homem suspeito pelo massacre em um cinema nos EUA na sexta-feira enviou um caderno "cheio de detalhes sobre como mataria pessoas" a um psiquiatra da Universidade do Colorado antes do ataque, informou a FoxNews.com nesta quarta-feira.

Ator de 'Batman': Christian Bale visita vítimas do ataque a cinema nos EUA

AP
James Holmes, suspeito de ataque a cinema, comparece a audiência em tribunal de Aurora, no Estado americano do Colorado (23/07)

Cabelo laranja:  Suspeito de ataque a cinema nos EUA comparece a tribunal

O pacote supostamente enviado pelo suposto atirador, James Eagan Holmes , de 24 anos, permaneceu fechado na sala do correio uma semana antes de ser descoberto na segunda-feira, disse a FoxNews.com, citando uma fonte da segurança.

A Reuters não pôde confirmar de imediato a informação. Foram deixadas mensagens com a polícia em Aurora e outras autoridades da área de segurança envolvidas no caso, que não responderam imediatamente.

Segundo a FoxNews.com, agentes da polícia e do FBI foram chamados ao campus médico de Anschutz, da Universidade do Colorado, em Aurora, na manhã de segunda depois que o psiquiatra, que também é professor da escola, relatou ter recebido um pacote que acreditava ser do suspeito.

Embora tenha se verificado que o pacote era de outra pessoa, uma busca na sala dos correios do campus encontrou outro pacote enviado ao psiquiatra com o nome de Holmes no remetente, disse a fonte à FoxNews.com. Após obter um mandado de busca, a polícia levou o pacote e verificou o que continha.

Há 6 anos: Vídeo mostra suspeito de ataque nos EUA em feira de ciências de colégio

A FoxNews.com citou sua fonte dizendo: "Dentro havia um caderno repleto de detalhes sobre como ele mataria as pessoas. Havia esboços do que ele faria, como desenhos e ilustrações do massacre."

No cinema: ‘Sou o coringa’, teria dito o atirador que matou 12 na estreia de Batman

A polícia diz que Holmes, usando uma máscara de gás e portando três armas, abriu fogo contra a plateia durante a exibição do filme " Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge " em Aurora, no subúrbio de Denver, deixando 12 mortos e 58 feridos.

Holmes, que foi preso imediatamente depois do ataque na frente do cinema, compareceu pela primeira vez ao tribunal na segunda-feira. As autoridades planejam indiciá-lo em 30 de julho.

    Leia tudo sobre: euaataque em auroraatiradorjames holmesbatman

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG