Saiba quais foram os ataques mais mortais dos últimos 20 anos nos EUA

Tragédia que deixou várias crianças mortas em Newtown, Connecticut, se junta a episódios de Columbine e Virginia Tech

AFP | - Atualizada às

AFP

Ataques com armas de fogo em escolas e locais públicos são tragicamente frequentes nos Estados Unidos. Nesta sexta-feira (14), um ataque a uma escola primária em Newtown , Connecticut, deixou várias crianças mortas.

Tragédia:  Escola primária é alvo de ataque em Connecticut, nos EUA

Galeria: Veja imagens do ataque em escola primária nos EUA

Reuters
Menino chora após ataque na Escola Elementar Sandy hook, em Connecticut, EUA


Veja quais foram os ataques mais mortais nos EUA nos últimos 20 anos:

- 16 de outubro de 1991: Um homem mata 22 pessoas em um restaurante de Killeen, no Texas, e deixa outros 20 feridos antes de se suicidar.

- 20 de abril de 1999:  Em Littleton, no Colorado, dois estudantes do ensino médio abrem fogo na escola  Columbine . Doze alunos e um professor são mortos. Os dois jovens assassinos se suicidam.

- 29 de julho de 1999:  Depois de matar a esposa e os dois filhos, um especulador da bolsa de 44 anos abre fogo em duas firmas de corretagem em Atlanta, no Estado da Geórgia, matando nove pessoas, e depois se suicida.

- 21 de março de 2005:  Em Red Lake, Minnesota, um adolescente de 16 anos mata em sua escola nove pessoas, entre elas cinco estudantes de ensino médio, antes de se suicidar.

- 16 de abril de 2007:  Um aluno de 23 anos de origem coreana mata 32 pessoas antes de se suicidar na Universidade de Virginia Tech, em Blacksburg, na Virgínia. O massacre é o pior da história dos Estados Unidos em tempos de paz.

- 24 de dezembro de 2008:  Um homem fantasiado de Papai Noel abre fogo contra os convidados de uma festa, matando nove pessoas. Depois também se mata.

- 10 de março de 2009:  Um homem desequilibrado mata dez pessoas, entre elas sua mãe, em três cidades do Alabama, no sul do país, antes de voltar a arma contra si mesmo.

- 3 de abril de 2009:  Um vietnamita abre fogo em um centro de imigrantes em Binghamton, no Estado de Nova York, matando 13 pessoas.

- 5 de novembro de 2009:  Um psiquiatra militar de origem palestina é o autor do maior tiroteio já registrado em uma base militar americana, matando 13 pessoas e ferindo 42 em Fort Hood, no Texas.

- 20 janeiro de 2010:  Um homem mata oito pessoas durante um tiroteio na Virgínia e se rende após uma caçada humana na qual participam 150 policiais.

- 3 agosto de 2010:  Um homem que tinha problemas com seus empregadores mata oito colegas em uma empresa de distribuição de cerveja em Connecticut, nordeste do país, antes de se suicidar.

- 12 de outubro de 2011:  No balneário de Seal Beach, na Califórnia, um homem, que tinha problemas com sua ex-esposa pela custódia do filho, abre fogo no salão de cabeleireiros onde ela trabalhava , deixando oito mortos.

- 2 de abril de 2012:  Um coreano de 43 anos mata sete pessoas na Universidade religiosa de Oikos , na Califórnia, antes de se entregar à polícia. O atirador assassinou metodicamente suas vítimas depois de alinhá-las contra um muro.

- 20 de julho de 2012:  Doze pessoas foram mortas durante ataque a um cinema que exibia o terceiro episódio da série Batman, em Aurora, no Colorado.

    Leia tudo sobre: euaauroraatiradorataque em auroracoloradobatmancinema

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG