Agulhas de costura são encontradas em sanduíches servidos em voo da Delta

Passageiros iam de Amsterdã para as cidades americanas Atlanta, Seattle e Minneapolis; FBI investiga irregularidade

AFP |

AFP

A companhia aérea brasileira Delta Air Lines anunciou nesta terça-feira que está investigando com as autoridades a descoberta de agulhas de costura em quatro sanduíches em voos da Holanda aos Estados Unidos.

Delta:  FBI investiga lâminas encontradas em voo para Portland

As agulhas foram encontradas em um avião com destino a Atlanta, Seattle e Minneapolis, que havia partido do aeroporto Schiphol de Amsterdã, disse a porta-voz da Delta, Kristin Baur. Uma pessoa ficou ferida no incidente, mas não aceitou receber tratamento.

Reprodução
Reprodução de vídeo da ABC News mostra agulha no sanduíche servido pela Delta Airlines

"A Delta está levando esse assunto muito a sério e está cooperando com as autoridades locais e federais para que investiguem o incidente", disse a companhia aérea em um comunicado.

A empresa disse ter "imediatamente" tomado medidas com relação ao encarregado de catering em Amsterdã "para garantir a segurança e a qualidade dos alimentos" oferecidos a bordo de seus aviões.

A Delta destacou que exige que todos os seus fornecedores de alimentos cumpram rígidos critérios porque a segurança dos passageiros e da tripulação é "a prioridade número 1", disse Baur.

De Atlanta, no Estado americano da Geórgia, onde a Delta tem sua sede central, o agente especial do FBI Stephen Emmett disse que está em andamento uma investigação criminal sobre o incidente, mas se negou a fornecer mais detalhes.

Por sua vez, a Administração de Segurança no Transporte (TSA, em inglês) disse que notificou todas as companhias aéreas dos Estados Unidos com voos de Schiphol para garantir que estão cientes do incidente.

"A TSA segue vigiando de perto a revisão do ocorrido, assim como os protocolos de segurança levados adiante pela companhia aérea e pelas autoridades do aeroporto", disse em um comunicado.

A Gate Gourmet, companhia que fez os sanduíches, também disse que iniciou uma investigação sobre o ocorrido e estava levando o assunto "muito a sério".

"As autoridades envolvidas têm todo o nosso apoio e estamos trabalhando estreitamente com nossos clientes para aumentar nossos controles e procedimentos de segurança", indicou. "Nada é mais importante para a Gate Gourmet que a segurança e o bem-estar de nossos clientes e seus passageiros."

    Leia tudo sobre: euadeltaaviãoaviação civilamsterdãatlanta

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG