Polícia de Londres prende seis suspeitos de terrorismo

Cinco homens e uma mulher são presos sob suspeita de 'armar, preparar ou instigar atos de terrorismo'; segundo Scotland Yard, operação não tem relação com Jogos Olímpicos

iG São Paulo | - Atualizada às

Cinco homens e uma mulher suspeitos de preparar ataques terroristas foram presos em operações da polícia em diferentes pontos de Londres nesta quinta-feira, informou a Polícia Metropolitana.

Terrorismo: Justiça condena nove britânicos à prisão por planejar ataque

Reuters
Policiais são vistos perto de passageiros de ônibus parado e cercado na estrada M6, no centro da Inglaterra, após acusação contra uma das pessoas a bordo do veículo

Ameaça: Quatro acusados admitem plano para atacar Bolsa de Londres

A Scotland Yard disse que a operação não tem ligação com os Jogos Olímpicos , que acontecem na capital britânica de 27 de julho a 12 de agosto, com as detenções tendo sido planejadas com antecedência com base em dados de inteligência.

Um homem de 29 anos foi preso em uma rua da zona oeste de Londres, enquanto os outros suspeitos, com idades entre 18 e 30 anos, foram detidos em endereços residenciais no leste e no oeste da capital britânica.

Um homem de 24 anos ficou ferido durante a operação, mas não precisou ser levado a um hospital. A polícia disse que os seis foram presos por suspeita de "armar, preparar ou instigar atos de terrorismo" e foram levados a uma delegacia no sudeste de Londres. Detetives também realizaram buscas em oito casas e em um endereço comercial da cidade.

Em um incidente em Birmingham, a empresa Megabus confirmou que a polícia investigava uma acusação contra um passageiro no ônibus que viajava de Preston, no norte da Inglaterra, para Londres. Todos os passageiros foram retirados do ônibus e alinhados na pista da rodovia M6, ao norte de Birmingham.

Imagens aéreas ao vivo mostraram cerca de 30 pessoas sentadas ou de pé dentro de um grande cordão policial. Veículos de emergência e uma unidade antibombas estavam no local, segundo a rede britânica BBC.

Segundo a imprensa britânica, a operação estaria relacionada com uma "possível conspiração" com participação de extremistas islâmicos, com alvos potenciais no Reino Unido. De acordo com a BBC, apesar de fontes dos serviços de segurança considerarem as detenções "significativas", não existem indícios de uma ameaça iminente.

Conclusão: Inquérito sobre atentados em Londres isenta equipes de resgate de culpa

As forças de segurança britânicas estão em alerta máximo para qualquer sinal de problema antes dos Jogos Olímpicos. Sete anos atrás, ataques suicidas coordenados deixaram 52 mortos em Londres .

A polícia britânica efetuou nos últimos meses uma série de detenções com base na lei antiterrorista. Para os Jogos Olímpicos, o país terá o maior dispositivo de segurança desde a Segunda Guerra Mundial, que mobilizará mais de 40 mil militares, policiais e agentes privados, com o apoio dos serviços de inteligência.

*Com Reuters e AFP

    Leia tudo sobre: reino unidoterrorismolondresjogos olímpicos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG