Incêndio no Colorado obriga milhares de americanos a deixar suas casas

Fogo na região do Waldo Canyon se tornou um dos principais desafios dos bombeiros nos Estados Unidos; causas ainda são desconhecidas

iG São Paulo |

Um incêndio de grandes proporções chegou à cidade de Colorado Springs, no Estado americano do Colocardo, levando cerca de 32 mil moradores a deixar suas casas, incluindo membros da Academia da Força Aérea americana, além de destruir um número ainda desconhecido de casas.

Recorrente: Ventos fortes espalham incêndios nos EUA

A fumaça densa e cinza aparecia no céu sobre a região oeste da cidade, fazendo com que o fogo no Waldo Canyon se tornasse um desafio para os bombeiros americanos.

"Era como o pior filme que você pode imaginar", disse o governador John Hickenlooper depois de sobrevoar a área atingida pelo fogo. "É quase surreal."

Com chamas alcançando cumes altos sobre a mata, mais de 2,1 mil membros da academia militar da região tiveram de sair das instalações da Força Aérea. Os moradores da área que deixavam suas casas cobriam os rotos com camisetas e bandanas para tentar respirar em meio à fumaça.

Arizona: Incêndio destrói 157 mil hectares

Bombeiros vêm trabalhando em todo Oeste americano para conter incêndios alimentados por uma seca prolongada. A maior parte dos Estados de Utah, Colorado, Wyoming e Montana está sob alerta vermelho, indicando perigo de incêndio extremo.

Reconstrução: Incêndio em Chicago mudou rumo do desenvolvimento urbano nos EUA

Segundo o diretor de monitoramento do Centro Nacional de Dados Climáticos, os Estados Unidos estão passado por “um pico de superaquecimento em meio a uma tendência de décadas de aquecimento”.

Na região central de Utah, as autoridades encontraram uma mulher morta terça-feira, quando retornavam a uma área esvaziada, marcando a primeira vítima em um incêndio que consumiu ao menos duas dúzias de casas.

A origem do fogo em Waldo Canyon continua sob investigação. No norte do Colorado, outro incêndio destruiu 257 casas, disseram as autoridades. O fogo foi provado por um raio no dia 9 de junho.

*Com AP

    Leia tudo sobre: coloradoeuafogoincêndiocolorado springs

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG