Grupo estava armado com fuzis automáticos. Chihuahua é um dos estados que mais sofre com a violência

Pelo menos 13 pessoas foram assassinadas a tiros e outras quatro ficaram feridas na sexta-feira (20) em um ataque de supostos pistoleiros em um bar na cidade mexicana de Chihuahua, capital do estado homônimo, informaram autoridades estaduais.

"Até agora o reporte preliminar é de 13 pessoas mortas e quatro lesionadas. Ainda se desconhece o sexo e a idade das vítimas, enquanto os agentes continuam investigando", disse Carlos González, porta-voz da Procuradoria Geral de Chihuahua.

Um grupo de pessoas armadas entrou no bar "El Colorado", no norte da cidade, e disparou com fuzis automáticos contra os clientes, disse González.

Chihuahua, no norte do país, é um dos estados mais afetados pela violência entre organizações narcotraficantes que tentam dominar o território estratégico para o trânsito de drogas aos Estados Unidos.

Em 4 de fevereiro, um tiroteio em um bar na mesma cidade deixou nove pessoas mortas, entre elas um policial e cinco músicos, e outras 11 ficaram feridas.

Nos últimos quatro anos, o estado concentrou cerca de 30% dos mais de 50 mil homicídios em todo o país, muitos deles cometidos em Ciudad Juárez.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.