10 obras de Andy Warhol são roubadas de apartamento em Nova York

Quadros de Lichtenstein também foram levados por ladrões. Prejuízo de colecionador é estimado em US$ 750 mil

BBC Brasil |

selo

AP
Obra Superman, de Adny Warhol, está entre as roubadas de colecionador em Nova York
A polícia de Nova York revelou que ladrões invadiram um apartamento de Manhattan e levaram um conjunto de obras de arte e objetos de luxo avaliados em US$ 750 mil (cerca de R$ 1,3 milhão), incluindo quadros de Andy Warhol e Roy Lichtenstein, mestres da chamada Pop Art.

Para realizar o crime, os ladrões abriram um buraco na parede da propriedade do colecionador Robert Romanoff no bairro de Greenwich Village. De acordo com o correspondente da BBC nos Estados Unidos Jonny Dymond, os ladrões levaram dez obras de Warhol, oito delas assinadas pelo artista. Entre os quadros de Warhol levados pelos ladrões está Superman . Também foram roubadas duas obras de Lichtenstein chamadas Thinking Nude e Moonscape e um original em óleo do pintor britânico Carl Fudge, além de joias e relógios Cartier e Rolex.

Os criminosos levaram a câmera do sistema interno de segurança, que poderia ter ajudado a identificá-los. A polícia, que divulgou na quinta-feira imagens das obras roubadas e pediu ajuda para identificar os criminosos, acredita que o crime ocorreu durante a semana do dia de Ação de Graças, celebrado em 25 de novembro. Os ladrões teriam aproveitado que o proprietário do apartamento viajou para realizar o furto.

    Leia tudo sobre: arte

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG