Acusada disse à polícia que tentava se defender de agressões. O caso aconteceu em Realengo, na zona oeste

selo

A Polícia Militar prendeu nesta madrugada a dona de casa Maria da Penha Bento de Souza, de 58 anos, acusada de matar o marido a facadas durante uma briga, no bairro de Realengo, na zona oeste do Rio de Janeiro. 

Acionados por vizinhos, os policiais encontraram Sebastião Carlos da Silva, 58, caído na calçada e com o pescoço ensanguentado. Ele teria saído à rua ainda na tentativa de pedir ajuda, mas não resistiu aos ferimentos e morreu. Maria da Penha disse à polícia que golpeou o marido para se defender das cadeiradas de Sebastião durante a discussão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.