Manoel de Oliveira adia vinda a São Paulo

Diretor português, de 101 anos, estaria presente na cerimônia de abertura

iG São Paulo |

Getty Images
O diretor Manoel de Oliveira: em repouso
O diretor português Manoel de Oliveira chegaria hoje ao Brasil, acompanhado da mulher, Maria Isabel, para prestigiar a abertura da 34ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, marcada para a noite de quinta-feira (21), quando será exibido seu último filme, "O Estranho Caso de Angélica". Aos 101 anos, no entanto, Oliveira precisará trocar o marca-passo e, seguindo recomendação médica, ficará oito dias de repouso.

De acordo com a assessoria da Mostra, Oliveira ainda pretende vir a São Paulo até o fim do evento e se sente "louvado e feliz" por ter seu filme escolhido para a abertura. "O Estranho Caso de Angélica" tem coprodução da Associação da Mostra, assim como o curta-metragem do "Do Visível ao Invisível", estrelado pelo diretor e fundador da Mostra, Leon Cakoff, e pelo ator português Ricardo Trepa.

Considerado o cineasta mais velho do mundo em atividade, Oliveira tem dirigido ao menos um filme por ano desde 1990. Seus últimos longas-metragens são "Singularidades de uma Rapariga Loura", "Espelho Mágico" e "Um Filme Falado". O cineasta, inclusive, é tema do média-metragem "Manoel de Oliveira Absoluto", dirigido por Cakoff e incluído na programação desta Mostra.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG